Empreendedor Individual traz qualidade para o turismo na Bahia

Durante o projeto Espicha Verão, em Salvador, estarão trabalhando cerca de 500 ambulantes na Barra, em Salvador, onde serão realizados shows e atividades esportivas

  
  

A parceria do governo estadual com o Sebrae Bahia, através de capacitações dos empresários do turismo e por meio do registro do Empreendedor Individual para os ambulantes, é fundamental para a satisfação do turista que visita o estado. A avaliação é do secretário estadual de Turismo, Domingos Leonelli, que participou, nesta quarta-feira (24), do lançamento do projeto Espicha Verão, que está em sua 3ª edição com o objetivo de prolongar a permanência do turista logo após o Carnaval, quando é registrada uma queda na ocupação da rede hotelaria.

Durante o Espicha Verão estarão trabalhando cerca de 500 ambulantes na Barra, em Salvador, onde serão realizados shows e atividades esportivas nos dias 27 de fevereiro e 6 e 13 de março. Uma das atrações do Espicha Verão será o show do grupo cubano Buena Vista Social Club, no dia 13 de março, na praia do Porto da Barra.

De acordo com o Secretário Domingos Leonelli, mais de 80% das decisões dos turistas em viajar provém da sua satisfação no atendimento. “Se a gente atende bem o turista ele volta e recomenda. Esta capacitação do Sebrae proporciona a qualificação dos empresários e é fundamental para a satisfação do turista”, destaca o secretário.

Segundo ele, uma pesquisa recente mostrou que mais de 90% das pessoas que participaram do Espicha Verão se declararam muito satisfeitos e desejando a repetição do projeto. “Isso é um grau de satisfação que poucos eventos no Brasil tem e o projeto ativa a cadeia produtiva do turismo, com os hotéis cheios, o que se reflete em todo o comércio, como restaurantes, bares, galerias de arte e artesanato, nos ambulantes e nos shopping, onde 30% do público é formado por turistas”, justifica Domingos Leonelli.

Também presente no lançamento do projeto Espicha Verão, o coordenador de Políticas Públicas e Desenvolvimento Territorial do Sebrae/BA, Roberto Evangelista, disse que o evento é a grande oportunidade de negócio dos ambulantes, que vão ganhar em profissionalismo com o registro de Empreendedor Individual para atender melhor o turista.

Para se registrar como empreendedor individual basta acessar o site www.portaldoempreendedor.gov.br ou ir até um dos cinco pontos de atendimento do Sebrae, em Salvador, para conhecer o passo a passo do registro. A partir deste registro os ambulantes, como vendedores de picolés, salgadeiras, doceiras e artesãos passam a ter CNPJ e acesso a todos os benefícios da Previdência, como aposentadoria e salário-maternidade.

O único custo da formalização é o pagamento mensal de R$ 56,10 para o INSS mais R$ 5,00 para prestador de serviço ou R$ 1,00 para comércio e indústria em um carnê único emitido exclusivamente no Portal do Empreendedor. Mais informações sobre o empreendedor individual podem ser obtidas na Central de Relacionamento do Sebrae (0800-570-0800). A ligação é gratuita e funciona de segunda a sexta-feira, de 8h às 20h.

Serviço:

Sebrae/BA - (71) 3320-4404

Fonte: Agência Sebrae de Notícias

  
  

Publicado por em