IH incentiva promoção do turismo sustentável brasileiro no exterior

Até o final de julho estão abertas as inscrições para o curso “Como Promover o Turismo Sustentável Brasileiro no Mercado Internacional”. Direcionado aos empresários e gestores das micro e pequenas empresas do setor de turismo, como pousadas, pequenos hoté

  
  

Até o final de julho estão abertas as inscrições para o curso “Como Promover o Turismo Sustentável Brasileiro no Mercado Internacional”. Direcionado aos empresários e gestores das micro e pequenas empresas do setor de turismo, como pousadas, pequenos hotéis, agências de viagens e operadoras locais, o curso busca qualificar os profissionais que atuam ou pretendem atuar no nicho do turismo sustentável para a promoção de seus serviços turísticos no exterior.

De abrangência nacional, o curso é uma iniciativa do Programa de Certificação em Turismo Sustentável (PCTS) e está sendo promovido pelo Instituto de Hospitalidade (IH) e pela APEX-Brasil – Agência de Promoção de Exportações e Investimentos.

“Esta é uma excelente oportunidade para os empresários do setor aprimorarem a sua capacidade de gestão e empreendedorismo, envolvendo as áreas econômicas, ambiental e sociocultural.

Além de gerar maior atratividade para o negócio, o curso visa ampliar a competitividade no mercado internacional”, explica Rômulo dos Santos, coordenador da implementação do PCTS.

A idéia é que o aprimoramento da qualidade e da competitividade dos profissionais e dos estabelecimentos na prática do turismo sustentável contribua para o desenvolvimento sustentável do país e para a melhoria da imagem do destino Brasil no mercado internacional.

“O Brasil tem condições de se tornar um dos mais expressivos destinos do mundo em serviços de turismo sustentável. O nosso projeto em parceria com o IH prevê ações para estruturar a promoção comercial do setor e para preparar e qualificar um número importante de empresas brasileiras. Este curso é uma iniciativa importante neste sentido”, afirma Juan Quirós, presidente da APEX-Brasil.

O curso é gratuito e irá contemplar, nesta primeira fase, 30 destinos em todas as regiões do Brasil. Serão 16 turmas, formadas por 25 pessoas cada uma, totalizando 400 participantes, que terão aulas presenciais e à distância, por meio da Internet, durante os meses de agosto a novembro.

Os profissionais deverão ser empresários ou gestores de micro e pequenos meios de hospedagem (até 50 unidades habitacionais), agências de viagens e operadoras locais.

A metodologia é baseada na “educação por competência” e o programa inclui três módulos: Introdução e Contexto do Turismo Sustentável, Marketing do Turismo Sustentável Brasileiro no Mercado Internacional, e Gestão de Turismo Internacional.

Fonte: Instituto de Hospitalidade
Contato: vininha@vininha.com

  
  

Publicado por em