Oportunidade para jovens da Baixada Santista

Projeto Inclusão Social com Capacitação Profissional do MTur qualifica 150 jovens de municípios da região

  
  

Garçom, Garçonete, Recepção de Hotéis, Monitor de Turismo Receptivo e Colônias de Férias e Pousada: cursos oferecidos a 150 jovens dos municípios paulistas de Praia Grande, Cubatão e Mongaguá. Nesta quarta-feira (24/11), em Praia Grande (SP), os jovens participaram da cerimônia de formatura, ocasião em que receberam os certificados de conclusão dos cursos.

“As parcerias fechadas foram muito boas e acredito que alcançaremos resultados positivos. Os jovens estão empolgados e alguns já estão trabalhando”, ressaltou o coordenadora-geral do Turismo Sustentável e Infância (TSI), Elisabeth Bahia. Segundo Bahia, a expectativa é que as oportunidades de emprego sejam maiores, uma vez que foram oferecidos também cursos de inglês.

A ação faz parte do Projeto Inclusão Social Com Capacitação Profissional do Ministério do Turismo (MTur), desenvolvido, na região, pela Associação Santista de Pesquisa, Prevenção e Educação (Aspe). Na Baixada Santista, além de Praia Grande, Cubatão e Mongaguá, os municípios de Santos, Guarujá e São Vicente também receberam ações de qualificação do projeto.

Projeto – Desde 2007, o Projeto Inclusão Social com Capacitação Profissional oferece cursos profissionalizantes ligados ao turismo para jovens em situação de vulnerabilidade social. Por meio do projeto, foram qualificados 2.400 pessoas dos estados do Ceará, Pernambuco, Paraíba, Santa Catarina e São Paulo. Desses, 48% já estão trabalhando formalmente. Outros 700 jovens estão em processo de formação, em Goiás e Pernambuco.

Fonte: MTur

  
  

Publicado por em