Aeroporto de Recife faz a viagem valer a pena

Terminal está entre os cinco internacionais do mundo elencados pela Revista TAM nas Nuvens na edição de outubro

  
  
Terminal está entre os cinco internacionais do mundo elencados pela Revista TAM nas Nuvens na edição de outubro

Entre uma ponte aérea e outra, ser bem recebido é o desejo de todo viajante. A Revista TAM nas Nuvens – da companhia aérea TAM -, na edição de outubro, elencou cinco cidades que têm aeroportos internacionais no mundo que são mais do que terminais de passageiros e que fazem a viagem valer à pena já no desembarque. Na lista, está o Recife, com o Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes - Gilberto Freyre, que divide espaço com os terminais de Madri (Barajas), Munique (Franz Josef Strauss), Singapura (Changi) e Londres (Heathrow). O terminal recifense foi destacado, pela revista, como “a arte de voar”, por ser um “espaço acolhedor dedicado aos artistas pernambucanos”.

A publicação ainda lembrou da estátua do sociólogo Gilberto Freyre, feita por Abelardo da Hora; além dos painéis de personagens, como João Câmara, Gil Vicente, Pedro Frederico e José Cláudio. Também foram citadas as obras (mural e três estátuas) do artista internacional Francisco Brennand. “Após a reinauguração em 2004, o Aeroporto ganhou um novo terminal, com capacidade de receber mais voos nacionais e internacionais. O nosso aeroporto é o segundo na movimentação de passageiros de todo o Nordeste. E ainda há estrutura para ampliar mais o terminal”, comentou o secretário de Turismo da Prefeitura do Recife, Samuel Oliveira.

De janeiro a setembro de 2009, os desembarques de passageiros em voos domésticos no Recife somam mais de 1,8 milhões de passageiros, uma variação positiva de 7,39% comparado a 2008.

Fonte: Prefeitura de Recife

  
  

Publicado por em