ANAC monitora Empresa Aérea Pluna

A assistência aos passageiros afetados pela greve de funcionários, da empresa aérea uruguaia, será fiscalizada em todos os aeroportos brasileiros

  
  

A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) intensificou o monitoramento da prestação de assistência aos passageiros atendidos pela empresa aérea uruguaia Pluna, em todos os aeroportos que ela opera. A companhia deverá prestar assistência integral aos passageiros afetados pela paralisação de suas operações. Conforme comunicado divulgado pela empresa, a interrupção dos serviços teve início no último dia 03/07 e se encerrará em 06/07 às 12h.

Além do aumento da fiscalização, os Postos de Serviço dos aeroportos de Guarulhos, Galeão e Brasília estarão mobilizados para fiscalizar a prestação da assistência aos passageiros, em especial, pela companhia aérea Pluna.

A ANAC também antecipou a fiscalização programada para a segunda semana do mês de julho no Aeroporto de Guarulhos, em atenção especial aos efeitos da paralisação. A antecipação dessa fiscalização terá como principal objetivo monitorar a prestação de assistência prevista da Resolução n° 141 da ANAC, que dispõe sobre os direitos e os deveres dos passageiros.

A Agência está acompanhando as medidas adotadas pela empresa e conta com o auxílio de 220 Inspetores de Aviação Civil (INSPAC) para fiscalizar os serviços prestados pelas empresas aéreas e aeroportos. Os passageiros que não se sentirem contemplados em seus direitos, devem recorrer à ANAC por meio da central de atendimento telefônico gratuito que funciona 24h com atendimento em português, inglês e espanhol (0800 725 4445).

Fonte: ANAC

  
  

Publicado por em