Projeto prevê a criação de cinco novos trens no Brasil.

Visa promover a atividade, melhorar a qualidade dos serviços dos equipamentos já existentes e implementar novos trens turísticos nos próximos dois anos.

  
  

A Associação Brasileira das Operadoras de Trens Turísticos (ABOTTC) lançou na sexta-feira (26/9) o projeto "Trem é Turismo", no estande do Ministério do Turismo na 42ª Expo Internacional de Turismo – ABAV, em São Paulo.

O objetivo é fortalecer a governança, promover a atividade no Brasil, melhorar a qualidade dos serviços dos equipamentos já existentes e implementar cinco novos trens turísticos nos próximos dois anos.

A iniciativa conta com o apoio do Sebrae e prevê uma consultoria para microempresários locais como artesãos, guias, pousadas e hotéis.

Os participantes também promoverão o intercâmbio de boas práticas, a contratação de uma assessoria de comunicação e a realização de viagens para jornalistas e operadores de turismo.

"A meta é melhorar a qualidade e consequentemente o nível de satisfação dos clientes. Muitos dos nossos trens funcionam em pequenas cidades que vivem em função deles", comentou o presidente da (ABOTTC), Adonai Arruda Filho.

O ministro do Turismo, Vinicius Lages, destacou a importância do associativismo e das alianças estratégicas para o fortalecimento do setor. "Entendemos a importância dessa iniciativa e por isso estamos juntos.

Contar com a experiência de parceiros como o Sebrae pode fazer a diferença na busca pela excelência na prestação de serviços", afirmou.

Atualmente existem 2.021 trens turísticos no mundo. Os EUA ocupam a primeira colocação, com 341 equipamentos dessa natureza.

O Brasil está na 14ª posição, com 31 trens turísticos, que devem atender 3 milhões de passageiros até o fim de 2014, de acordo com estimativa da associação.

O projeto tem como meta aumentar em 15% o movimento nesses equipamentos e registrar um nível de satisfação de 80% entre os viajantes.

Visite:www.revistaecotour.com.br

Fonte: Mtur

  
  

Publicado por em