3 casas de cultura no Brasil que você precisa conhecer

Que tal sair do eixo Rio-São Paulo quando o assunto é cultura? Conheça 3 roteiros culturais que você provavelmente ainda não fez.

  
  

MASP, Casa de Cultura de Paraty, Museu do Futebol... Você já deve ter ouvido falar sobre essas opções culturais ou, com certeza, até ter conhecido todas elas. Mas, quando o assunto é cultura, o que temos fora do famoso eixo Rio-São Paulo?

As Casas de Cultura são normalmente ambientes mantidos por órgãos públicos (prefeitura, Governo) ou empresas privadas que visam reunir a comunidade em cursos, palestras e eventos culturais das mais variadas áreas, buscando uma maior integração da comunidade com a sua cultura local. Hoje, vamos falar de 3 roteiro culturais que você provavelmente ainda não fez.

Casa de Cultura Mario Quintana

Inaugurada em 25 de setembro de 1990, a casa de Cultura Mario Quintana fica em Porto Alegre e oferece atrações imperdíveis, além de um charmoso café.

Você não pode passar por Porto Alegre e não conhecer a Casa de Cultura Mário de Quintana, que é umas das casas de cultura mais famosas do Brasil.

Sua inauguração aconteceu em 25 de setembro de 1990, sete anos depois do Governo do Estado adquirir o prédio do Hotel Majestic, reformá-lo e outorgá-lo como patrimônio histórico da cidade. Os arquitetos responsáveis pela transformação do Hotel na Casa de Cultura Mário Quintana foram Flávio Kiefer e Joel Gorski.

Para quem quer conhecer mais sobre a cultura gaúcha, a Casa de Cultura Mário Quintana é um prato cheio, com espaço para cinema, música, artes visuais, dança, teatro e literatura. Lá, é possível conhecer aspectos sulistas que vão do famoso chimarrão, até o churrasco e as danças típicas.

O entardecer na Casa de Cultura Mario Quintana acompanhado de um café é imperdível.

Entre algumas obras gaúchas, os visitantes podem conhecer “O guerreiro”, Escultura do artista Xico Stockinger, que representa a luta característica dos gaúchos; e "Auditorium", um painel gigantesco da artista Regina Silveira, que apresenta, em uma arte abstrata, um auditório lotado de pessoas.

A maior atração da Casa de Cultura Mário Quintana é uma sala, onde está reproduzido, com objetos originais, o último quarto onde viveu Mario Quintana, cuja reconstituição foi efetuada pela sobrinha do poeta, Elena Quintana.

Outro destaque imperdível é sentar no terraço, no Café Santo de Casa, e observar o pôr-do-sol no rio Guaíba, uma imagem indescritível.

Serviço
Endereço: Rua dos Andradas, 736, Centro, Porto Alegre
Horário de funcionamento:
Segundas-feiras: 14h às 21h
De terças a sextas-feiras: 9h às 21h
Sábados e domingos: 12h às 21h
Entrada: Gratuita

Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura

O Planetário Rubens de Azevedo é o único planetário no Brasil a projetar o arco-íris, através de 20 projetores multimídia; umas das atrações do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura.

Inaugurado em 1998, o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura revitalizou todo o bairro de Iracema, em Fortaleza. Esse centro de cultura é uns dos mais inusitados do Brasil, por sua arquitetura original e os seus temas modernos e diferentes, além de ser uns dos maiores do Brasil.

Em seus 30 mil metros, é possível encontrar atrações como o Museu de Arte Contemporânea do Ceará (MAC), onde se pode conhecer mais da pintura cearense. O local conta com mais de mil obras em seu acervo, permitindo, além de pesquisas, a realização de exposições temáticas. Também estão sob a guarda do MAC peças da Pinacoteca do Estado e do acervo do pintor Antônio Bandeira.

Há também o Planetário Rubens de Azevedo, uma grande contribuição para a astronomia. Está equipado com aparelhos alemães, os quais estão entre os mais modernos do mundo, e é o único planetário no Brasil a projetar o arco-íris, através de 20 projetores multimídia. Tem capacidade para 90 pessoas e apresenta três sessões diárias, proporcionando grandes espetáculos na observação detalhada de estrelas, planetas e galáxias.

O Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura é uns dos mais inusitados do Brasil, por sua arquitetura original e os seus temas modernos e diferentes, além de ser uns dos maiores do Brasil.

Já a Biblioteca Estadual do Ceará é uma importante fonte de pesquisa para vários grupos, como estudantes, professores e pesquisadores. A Biblioteca Pública Governador Menezes Pimentel possui um acervo composto por 70 mil volumes e 40 mil títulos, alguns raros é único no país.

A arquitetura do local também chama a atenção. Desenhada pelos arquitetos Fausto Nilo e Delberg Ponce de Leon, é caracterizada por suas linhas arrojadas, as quais contrastam com os casarões do centro histórico de Fortaleza, construídos no início do século passado.

Serviço

Endereço: Rua Dragão do Mar, 81 - Praia de Iracema - Fortaleza - Ceará
Horário de funcionamento: de segunda a quinta, das 8h às 22h; e de sexta a domingo e feriados, das 8h às 23h.
Preço: Entrada no complexo: gratuita; cinemas, teatro e planetário, os valores das entradas variam de R$ 5 a R$12.

Casa de Cultura de Pernambuco

O prédio, onde está, hoje, a Casa de Cultura de Pernambuco, foi tombado pela Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (FUNDARPE) em 1980 e funcionou como penitenciária durante 118 anos.

A Casa de Cultura de Pernambuco tem umas das histórias mais curiosas das casas de cultura do Brasil, pois o prédio que a abriga era umas das maiores penitenciárias do Brasil, que foi desativada em 1973. Três anos após o fechamento da Casa de Detenção, em 14 de abril de 1976, a Casa da Cultura de Pernambuco foi inaugurada. Quem teve a ideia de transformar o antigo presídio em uma Casa da Cultura foi o artista plástico Francisco Brennand.

O projeto para restauração do antigo complexo penitenciário ficou sob a responsabilidade da arquiteta ítalo-brasileira Lina Bo Bardi e do arquiteto brasileiro Jorge Martins Junior e a restauração e o aparelhamento a cargo da Fundarpe.

Entre as diversas atrações da Casa de Cultura de Pernambuco estão as Exposições de Peças em barro ou cerâmica na arte figurativa de Mestre Vitalino, grande pernambucano que criou vários objetos que representam a cultura popular local, como Bonecas em sebo, jogos de xadrez, jogos de damas, bumba-meu-boi, maracatu, frevo e até anjos e presépios.

Há também a venda do tradicional bolo-de-rolo: considerado Patrimônio Imaterial do Estado (2008), essa iguaria pernambucana vai te conquistar na primeira mordida. E, por fim, a única livraria especializada em livros de Pernambuco no Brasil, com títulos raros e livros especiais, contando tudo dessa cultura muito rica e especial.

Serviço

Horário de funcionamento: de segunda a sexta, das 9h às 19h. Sábado das 9h às 18h. Domingo das 9h às 14h.
Endereço: Rua Floriano Peixoto s/n, Raio Leste, cela 312, 3º Piso, Santo Antônio - Recife-PE
Preços: Entrada gratuita

  
  

Publicado por em