Carnaval aquece a economia das Cidades Históricas mineiras

Municípios contabilizaram bons resultados de ocupação hoteleira, movimentação financeira e fluxo de visitantes

  
  
Em Tiradentes, crianças e famílias encheram as ruas do centro histórico

As cidades históricas de São João del Rei, Diamantina, Ouro Preto, Tiradentes, Mariana e Sabará comemoram o aquecimento da economia durante o Carnaval 2012. Em uma parceria entre Governo de Minas e as prefeituras foi realizada a quarta edição do Carnaval das Cidades Históricas, entre 17 e 21 de fevereiro. O evento, além de movimentar a cadeia produtiva do turismo e gerar ocupação e renda para as comunidades locais, atraiu milhares de foliões de todas as partes do Brasil, garantindo a alegria e o divertimento durante os dias de folia.

Ralph Justino, um dos coordenadores do projeto Carnaval das Cidades Históricas, avalia os bons resultados. De acordo com ele, o evento atraiu 350 mil foliões nas seis cidades, possibilitou 3,5 mil postos de trabalho e a movimentação financeira de R$ 6 milhões nos seis municípios e, ainda, uma média geral de ocupação hoteleira de 85%. “Foi um resultado muito positivo para Minas Gerais. Pretendemos que esses números cresçam a cada ano”, enfatizou.

O secretário de Estado de Turismo, Agostinho Patrus Filho, ressalta que a união conjunta dos municípios no planejamento do Carnaval favorece a atração de turistas e possibilita uma programação integrada, onde um folião pode curtir as atrações e desfrutar da diversidade de Minas Gerais. “Estamos muito felizes, pois conseguimos alcançar um número expressivo de público, movimentar a cadeia produtiva do turismo das localidades e ainda propiciar um Carnaval tranqüilo e seguro para nossa população e visitantes”, disse.

Em São João del Rei, os turistas, estimados entre 50 e 60 mil pessoas, ocuparam 100% da hotelaria, de acordo com a secretária municipal de Turismo, Nina Capel. “Principalmente com as dificuldades que nosso município sofreu após as enchentes, nosso Carnaval surpreendeu. Recebemos um número significativo de foliões. Foi um Carnaval diversificado, com matinês, marchinhas e desfile de escolas de samba. Em todos os momentos e em todos os blocos, sempre muita gente e muita alegria”, enfatizou Capel.

Felipe Barbosa, secretário municipal de Turismo de Tiradentes, afirma que o balanço do Carnaval foi muito positivo e que a ocupação da rede hoteleira da cidade histórica girou em torno de 85%. “Tivemos em nossa cidade um Carnaval super tranqüilo, muitas crianças e famílias encheram as ruas de nosso centro histórico”, disse Barbosa. O secretário lembrou, também, que a grande aposta para o Carnaval 2012 foram os blocos caricatos, que movimentaram mais de 10 mil foliões durante os festejos do Momo.

Em Diamantina, a animação ficou por conta dos desfiles dos blocos caricatos. Destaque para os blocos Sapo Seco, Rato Seco e As Domésticas Aposentadas. O som da percussão das bandas Bat-Caverna e Bartucada animou a noite da moçada. A secretária municipal de Turismo de Diamantina, Márcia Betânia Horta, estima que cerca de 100 mil pessoas passaram pela cidade durante todo o Carnaval, o que possibilitou uma ocupação hoteleira em torno de 80% e a geração de 2,5 mil postos de trabalho durante o festejo. “Tivemos em Diamantina um Carnaval tranqüilo. O projeto Carnaval das Cidades Históricas é uma parceria muito estratégica com outros municípios mineiros. Queremos que Minas Gerais alcance uma evidência no Carnaval do Brasil, assim como outros estados brasileiros”, destacou a secretária.

Em Ouro Preto, um dos mais tradicionais e procurados destinos turísticos de Minas, conhecido internacionalmente por sua riqueza e arquitetura colonial de estilo Barroco, bonecos gigantes e blocos caricatos, como da Praia, Caixão, e Zé Pereira dos Lacaios, deram o tom do Carnaval 2012. No decorrer do feriadão, houve também desfile de escolas de samba, shows com bandas locais e baile carnavalesco. O prefeito de Ouro Preto, Ângelo Oswaldo, comemora o movimento do Carnaval e diz que a festa marcou a retomada do fluxo turístico após as chuvas que atingiram a cidade em janeiro. “Tivemos um dos melhores carnavais dos últimos anos e recebemos turistas de diversos lugares do Brasil e do exterior. Sem dúvida, o Carnaval em Ouro Preto e nas cidades históricas mineiras é uma das melhores opções para o turista no país”.

Carnaval das Cidades Históricas

Lançado em 2009, o evento tem atingido números expressivos de visitantes, com foliões de diversas idades e regiões, que buscam vivenciar a festividade com segurança e conforto nessas cidades que têm patrimônio histórico, artístico e cultural privilegiados. A Secretaria de Estado de Cultura (SEC), em parceria com a Promotoria Estadual de Defesa do Patrimônio Cultural e Turístico de Minas Gerais, promoveu uma cartilha com orientações e cuidados para assegurar a integridade do patrimônio cultural e histórico de Minas.

Fonte: Governo do Estado de Minas Gerais

  
  

Publicado por em