Cavalgada Cultural entre Belo Horizonte e Brasília resgata história de Guimarães Rosa

O objetivo da cavalgada é estimular o hábito da leitura em cidades de Minas Gerais, Goiás e o Distrito Federal.

  
  

Os Cavaleiros da Cultura iniciam nesta sexta-feira (19), uma viagem de 850 km entre Belo Horizonte e Brasília. Em território mineiro, o projeto resgata parte da história de “Grande Sertão: Veredas”, do escritor Guimarães Rosa. A II etapa da “Cavalgada Cultural Brasília 50 Anos” conta com o apoio do Governo de Minas, Prefeitura de Belo Horizonte e empresas da iniciativa privada. A partida da viagem será às 09h30, na Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves e contará com a presença de mil crianças de escolas municipais e estaduais de Minas Gerais.

O objetivo da cavalgada é estimular o hábito da leitura em cidades de Minas Gerais, Goiás e o Distrito Federal. A expectativa é que sejam percorridas 21 localidades em 30 dias de viagem. Durante esse período, haverá doação de livros nas secretarias municipais de educação de todas as localidades. A meta é beneficiar 20 mil crianças e adolescentes.

Em Minas Gerais, o destaque do roteiro será a diversidade de relevo e paisagens nos 850 Km de estrada de chão. A comitiva passará por serras e trilhas até alcançar a Região do Cerrado, caracterizada por belos buritis e árvores retorcidas.

Liderados por Carlos Oscar Niemeyer, neto de Oscar Niemeyer, vinte Cavaleiros se revezarão em dois cavalos para não haver desgaste dos animais durante o longo percurso. Além da comitiva, uma equipe de apoio composta por tratadores, cozinheiro, motoristas e fotógrafo acompanha o grupo.

Os Cavaleiros da Cultura pretendem chegar em Brasília no dia 17 de abril. No dia 18, na Capital Federal, todos participam da cavalgada Brasil Brasília, com mais de 10 mil participantes. Já no dia 21 de abril, os Cavaleiros da Cultura prestam homenagens oficiais aos 50 anos de construção da Capital Brasileira.

Cavaleiros da Cultura

Criada em 2008, em Rio Novo, Minas Gerais, a Associação Cavaleiros da Cultura tem a finalidade de incentivar a leitura por meio de cavalgadas recreativas com ações de cunho cultural e educacional.

A primeira cavalgada aconteceu em 2007 com 16 cavaleiros. O grupo distribuiu 12 mil livros em bibliotecas públicas no interior de Minas Gerais e São Paulo, numa viagem que percorreu 813 km em 19 dias. Após o sucesso da iniciativa, os cavaleiros idealizaram a Cavalgada Cultural Brasília 50 anos, que em 2010 chega à sua segunda etapa.

Trajeto completo:

O projeto irá percorrer as seguintes cidades mineiras: Belo Horizonte; Sete Lagoas; Araçaí; Cordisburgo; Curvelo; Morro da Garça; Corinto (Buritizinho); Andrequicé; Três Marias; Luizlândia do Oeste; Unaí; Vila São Sebastião (Lages); João Pinheiro, Rural Minas II (Olaria), Paracatu.

Em Goiás, o roteiro contempla os municípios: Paranoá e Luisiânia.

Mais informações:

  • Renata Silva – imprensa@cavaleirosdacultura.org.br

(21) 8385-4420 begin_of_the_skype_highlighting              (21) 8385-4420      end_of_the_skype_highlighting / (32) 3218-4104 / (32) 9107-6383
Saiba mais: www.cavaleirosdacultura.org.br

Fonte: Secretaria de Turismo de Minas Gerais

  
  

Publicado por em

JOSE GONÇALVES DE SOUZA

JOSE GONÇALVES DE SOUZA

16/04/2010 17:29:53
cavalgada alem de muito legal é terapia, cultura, e resgata o nossa memoria e tem poderes de inclusão social campo cidade.

ZÉ ALEIXO - BRASILANDIA DE MINAS - MG FONI 38.3562.1186

Alencar

Alencar

22/03/2010 09:22:29
A cavalgada cultural, alem de uma iniciativa original e de seu carater humanitário, beneficiando centenas de crianças, resgata a memória de um povo. Também existe em Minas a cavalgada que parte no norte do Estado e termina no Parque da Gameleira na abertura da Exposição do cavalo Mangalarga Marchador que acontece em julho. Promovida pela ABCCMM auxilia muita gente das comunidades por onde passa. Muito legal!