Com carnaval de volta, São Luiz do Paraitinga busca parceiros para reconstrução

Tradicional festa de marchinhas apela para poder público e iniciativa privada

  
  
Carnaval em São Luiz do Paraitinga

Um dos carnavais mais originais de São Paulo está de volta. Em busca da sustentabilidade cultural e recuperação do patrimônio histórico da cidade, São Luiz do Paraitinga recebe novamente foliões para 30ª edição da festa, que será batizada de “Carnaval da Reconstrução”. O evento servirá de incentivo para que a cidade possa chamar a atenção do poder público e da iniciativa privada para o apoio financeiro da reconstrução de São Luiz do Paraitinga. Mais informações sobre o evento estarão disponíveis a partir do dia 7 de fevereiro.

Segundo a prefeitura, o Centro da Reconstrução Sustentável, CERESTA, localizado na Praça Dr. Oswaldo Cruz, será o ponto de partida para uma marcha que dará início ao carnaval e que seguirá até o local da saída dos blocos. O manifesto vai ser puxado pelo Bloco Juca Teles, o mais conhecido da cidade, a partir das 12 horas do sábado. A expectativa é que todo o conjunto arquitetônico histórico seja preservado durante a festa e que muito do que foi destruído pelas fortes chuvas de 2010 possa ser reestabelecido com ajuda não só da população.

A comoção em torno de uma reconstrução de São Luiz do Paraitinga tomou conta do povo luizense desde os desastres do ano passado. Para 2011, a prefeitura preparou algumas mudanças para a volta do carnaval na cidade (em 2010, a festa foi cancelada), a fim de garantir maior segurança aos visitantes e às estruturas e construções da cidade. Segundo dados da própria prefeitura, a forte chuva que se viu foi única nos 240 anos da cidade, período em que nunca houve uma inundação semelhante. Ainda assim, foram anunciadas diversas reformas e ações de prevenção, a fim de que o fato não venha a se repetir. É bom lembrar que pequenos desvios no leito do rio Paraitinga, nessa época, são comuns e não devem ser motivos de alarde.

No carnaval desse ano, o palco principal será montado fora do centro histórico e os blocos percorrerão um trajeto diferente, também evitando a concentração de foliões na parte mais antiga da cidade. Segundo dados da prefeitura, a quantidade de pessoas no carnaval será limitada a dez mil por dia e o evento se realizará das 10 às 24 horas.

Quem for viajar de carro fique atento: a prefeitura pretende implantar a “Zona Azul” em algumas regiões e não será permitida a circulação de carros no centro. Além disso, a entrada na cidade ficará limitada a horários e quantidade (2500 por dia) específicos, portanto programe-se antes de optar pelo carro.

A vida tranquila do homem do campo é transformada em alegria contagiante do carnaval. As belezas naturais e as construídas pelo homem encantam os turistas e emolduram o cenário estonteante. A cidade foi considerada, em março de 2010, patrimônio nacional do Brasil pelo IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional).

Situada no topo da Serra do Mar, São Luiz tem algumas das melhores corredeiras para rafting junto a uma natureza exuberante. Os amantes da vida ao ar livre podem caminhar pelas trilhas do Núcleo Santa Virgínia, do Parque Estadual da Serra do Mar e conhecer as cachoeiras do Campo Grande, Poço do Pinto, Salto Grande, Ipiranga, Itapavão e da Andorinha, além de visitar o Alto do Cruzeiro, ápice da cidade de onde é possível observar toda a região.

Com relação à infraestrutura, a cidade já está pronta para receber os foliões. Variados restaurantes e pousadas permitem ao turista escolher o que melhor lhe agrada na relação de custos e conforto. Mais informações podem ser obtidas no site www.saoluizdoparaitinga.sp.gov.br.

Fonte: AD Comunicação & Marketing

  
  

Publicado por em