Concertos e corais darão toque clássico ao Festival Artes do Sagrado, na Semana Santa

Os fãs da música clássica também foram contemplados na programação da Semana Santa que acontecerá em Salvador durante o Festival Artes do Sagrado

  
  

Os fãs da música clássica também foram contemplados na programação da Semana Santa que acontecerá em Salvador durante o Festival Artes do Sagrado. O evento, com o apoio da Bahiatursa, será realizado desta sexta-feira (22 de março) até 1º de abril, em teatros, restaurantes, ruas do Centro Histórico e museus da capital baiana. Pelo menos quatro dias de programação foram destinados a concertos sinfônicos e apresentação de corais.

Com a coordenação musical dos maestros Dilton César e Ângelo Rafael, os concertos de orquestras e corais acontecerão na Igreja de São Francisco (Largo do Cruzeiro, Centro Histórico) e no Mosteiro de São Bento (Avenida Sete). Entre as peças mais aguardadas estão os clássicos Stabat Mater, de Giovanni Batista Pergolesi, com regência de Dilton, no dia 22 de março, e Messias, de Georg Friedrich Haendel, regido por Ângelo, no dia 25 de março, ambos os espetáculos no belo cenário de ouro da Igreja de São Francisco.

Stabat Mater Dolorosa (Estava a Mãe Dolorosa) é um poema medieval sobre o sofrimento de Maria durante a crucificação do filho, Jesus Cristo, enquanto Messias é um oratório considerado a mais famosa criação de Haendel, sobre a vida de Jesus. Os concertos terão orquestras formadas por 16 músicos da Escola de Música da UFBA e da Orquestra Sinfônica da Bahia. Duas solistas, a mezzo soprano Vanda Otero e a soprano Verônica Santos, participam de Stabat Mater.

Outra boa opção na parte clássica do festival será o Encontro de Corais, em 23 de março, também na Igreja de São Francisco. Participam cinco corais de Salvador, dentre eles o do Mosteiro de São Bento, o da Igreja Batista da Graça e o do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia. Todos os coros farão peças relacionadas com temas da Semana Santa, como a Ave Verum Corpus, de Mozart, e o Judas Mercator Pessimus, de Tomás Luiz de Victoria.

Para culminar a programação musical clássica do evento, nos dias 28 e 29 de março haverá apresentações de Canto Gregoriano no Mosteiro de São Bento. Em um templo histórico, de acústica privilegiada, as peças proporcionarão momentos relaxantes ao público que comparecer ao local.

Turismo – Os dois prédios históricos que abrigarão a programação de música clássica do Festival Artes do Sagrado são dois dos principais ícones do turismo religioso da capital baiana. A Igreja de São Francisco (Largo do Cruzeiro, Centro Histórico), mais conhecida como a igreja de ouro, pela pintura do seu interior, é uma obra do barroco eleita em 2009 como uma das 7 Maravilhas de Origem Portuguesa no Mundo. A igreja faz parte de um complexo composto de tempo e convento, cujas obras foram iniciadas em 1587 (Século XVI) passando por reconstruções e reformas até 1797 (século XVIII). A pedra fundamental da atual igreja só foi lançada em 20 de dezembro de 1686.

Já a Basílica Arquiabacial de São Sebastião do Mosteiro de São Bento, no centro de Salvador (esquina da Avenida Sete com o Largo de São Bento) teve sua origem de uma capela construída por jesuítas logo após a fundação de Salvador (29 de março de 1549), no século XVI. O local ficava fora dos muros da cidade (que começava onde hoje é a Praça Castro Alves) e abrigava uma aldeia indígena, transferida dali em 1553 após um acordo entre o governador-geral Tomé de Sousa e o cacique da tribo. O traçado neoclássico original sofreu influências de vários estilos e tendências ao longo dos anos.

Serviço

O quê: Festival Artes do Sagrado

Quando: De 22 de março a 1º de abril

Onde: Salvador

Programação Concertos e corais

22/03 - Stabat Mater, regência do maestro Dilton César. Local: Igreja de São Francisco. Horário: 18h

23/03 - Encontro de Corais (regência dos maestros Dilton César e Ângelo Rafael). Local: Igreja de São Francisco. Horário: 18h

25/03 - Messias, regência do maestro Ângelo Rafael. Local: Igreja de São Francisco. Horário: 18h

28/03 – Canto Gregoriano. Local: Mosteiro de São Bento. Horário: 18h

29/03 - Canto Gregoriano. Local: Mosteiro de São Bento. Horário: 15h

Fonte: Governo da Bahia

  
  

Publicado por em