Descubra os segredos do Fim do Mundo no rastro de Darwin durante o Carnaval

Cruzeiro no sul do continente revela belezas naturais e histórias fantásticas

  
  
Punta Arenas

Reviver os caminhos de Darwin percorrendo o extremo sul do continente americano e contornando as costas da Argentina e Chile é um privilégio. Essa é a proposta da Cruceros Australis para o Carnaval, que navega por belíssimas paisagens em alto mar com estilo e sofisticação.

Os passageiros podem optar pelo roteiro de três noites, que parte de Ushuaia (Argentina) com destino a Punta Arenas (Chile) nos dias 2 e 5 de março. O valor é a partir de US$ 1.328. Já o percurso inverso tem duração de quatro noites, saindo nos dias 1, 5, 8 e 12 e custa a partir de US$ 1.770. Os preços fornecidos são por pessoa em cabine dupla categoria B e incluem todas as refeições, palestras e passeios diários guiados pela equipe de expedição.

Estar a bordo dos navios da Cruceros Autralis é viver novas experiências, conhecendo um mundo de história, biologia e navegação. A rota percorrida é semelhante à que Darwin fez a bordo do HMS Beagle pela Patagônia, passando por alguns lugares que serviram como matéria-prima para os estudos e teorias do naturalista britânico.

Navegando em locais de fauna e flora exuberantes, as embarcações passam pelo Estreito de Magalhães, Canal Beagle e pelo mítico Cabo Horn, que por muitos anos foi considerado uma importante rota de navegação entre os oceanos Pacífico e Atlântico, além de ser conhecido como o “Fim do Mundo”.

As saídas de Punta Arenas dos dias 5 e 12 de março e a de Ushuaia no dia 2 serão no novíssimo Stella Autralis. A embarcação oferece o que há de mais moderno e aconchegante em cruzeiros marítimos. São três salões para convenções e eventos, sala de ginástica e 100 cabines, sendo quatro superiores com tamanho maior que as standard, permitindo uma capacidade total de 210 passageiros confortavelmente instalados.

As outras saídas serão no moderno Via Australis (construído em 2005), que não perde seu charme e encanta seus passageiros nas expedições pelo extremo sul do continente americano.

Permanecendo a maior parte do tempo em canais e fiordes, os navios também oferecem opções de entretenimento a bordo, como palestras sobre a história das conquistas, fauna e flora, civilizações indígenas, glaciologia e etnologia da região.

Mais informações no site www.australis.com ou com os principais operadores de turismo brasileiros.

Fonte: AD Comunicação & Marketing

  
  

Publicado por em