Festa ao Deus Sol no estilo inca

Comemorado anualmente em 24 de junho, o Inti Raymi é um festival peruano religioso em homenagem à Inti, o Deus Sol, considerado o principal da civilização inca. A festa marcava o solstício de inverno do Hemisfério Sul nos Andes

  
  
A festividade é marcada por encenações que remetem à época dos incas e começa no Templo de Qoricancha

Comemorado anualmente em 24 de junho, o Inti Raymi é um festival peruano religioso em homenagem à Inti, o Deus Sol, considerado o principal da civilização inca. A festa marcava o solstício de inverno do Hemisfério Sul nos Andes e desde 1944 passou a ser o Dia de Cuzco, com cerimônias em Qoricancha (Templo del Sol), na Plaza Hauqaypata (Plaza das Armas) e, por fim, na fortaleza de Sacsayhuamán.

A festividade é marcada por encenações que remetem à época dos incas e começa no Templo de Qoricancha, onde os visitantes são convidados para as comemorações em homenagem ao Deus Sol.

A Plaza de Armas é o ponto de encontro para quem vai à fortaleza de Sacsayhuamán participar das principais cerimônias, entre elas, do Fogo Sagrado, do Sacrifício das Chamas e de Sanko, o pão sagrado.

Na época dos incas, o Inti Raymi era o mais importante dos quatro festivais celebrados em Cuzco. Durante os nove dias de evento eram realizados sacrifícios e danças em homenagem ao Deus Sol. O último Inti Raymi com a presença de um imperador inca foi realizado em 1535.

Fonte: AD Comunicação & Marketing

  
  

Publicado por em