Notícias > Turismo > Turismo cultural > 

Festival vai reunir música, artes e gastronomia no Pelourinho

Tradicional caldeirão de manifestações culturais da Bahia, o bairro do Pelourinho, no Centro Histórico de Salvador, vai sediar um grande festival que reunirá artes, gastronomia e música de 22 a 24 de fevereiro de 2013

30 de Dezembro de 2012.
Publicado por Equipe EcoViagem  

Tradicional caldeirão de manifestações culturais da Bahia, o bairro do Pelourinho, no Centro Histórico de Salvador, vai sediar um grande festival que reunirá artes, gastronomia e música de 22 a 24 de fevereiro de 2013, num fim de semana recheado de atrações. O Projeto Espicha Verão, que no próximo ano entra em sua 5ª edição, será realizado pela Bahiatursa, em parceria com a Secretaria da Cultura, através do Centro de Culturas Populares e Identitárias, e outros órgãos estaduais e municipais.

De acordo com o secretário do Turismo, Domingos Leonelli, a iniciativa busca prolongar o período da alta estação, uma vez que o verão 2013 será mais curto, com a realização do Carnaval de 7 a 12 de fevereiro. “Esse (o Pelourinho) é um importante cartão-postal da nossa capital e também um lugar de forte presença cultural, com toda a estrutura de bares e restaurantes. Por isso, trouxemos o Espicha Verão para cá”, afirmou.

O projeto inclui apresentações musicais em cinco palcos: Terreiro de Jesus, largos do Pelô e Pedro Archanjo e praças Tereza Batista e Quincas Berro D’Água com atrações de ritmos como MPB, Samba, Samba-reggae, Gafieira, Forró, dentre outros. “Além disso, teremos exposições na Praça das Artes e programações especiais no Cruzeiro de São Francisco”, completou o coordenador do Espicha Verão, Zitomir Souza.

Programação
A grade de atrações ainda está sendo montada, mas já foram definidos os estilos musicais de cada espaço do projeto.

Palco do Terreiro de Jesus: A ideia é instalar um palco para apresentações acústicas, aproveitando o clima gerado pela bela iluminação cênica das igrejas do entorno, resgatando os ares boêmios de décadas passadas ao som da MPB, Jazz e música instrumental.

Largo do Pelourinho: Instalação de palco para apresentações acústicas de artistas com bandas que tocam ritmos variados.

Praça Tereza Batista: Haverá uma grande diversidade de ritmos e também atrações voltadas para a criançada, além de shows no gênero gospel.

Pedro Archanjo: Espaço dedicado à dança de salão, com gafieira apresentações de grupos de chorinho.

Praça Quincas Berro D’água: Terá muito samba, músicas da Jovem Guarda e uma homenagem a Riachão.

Também haverá mostras de cinema e teatro, nos teatros do Senac, Miguel Santana, com apresentação do Balé Folclórico da Bahia e Teatro XVIII e exposição do Carnaval Negro Baiano, de Alberto Pita.

Na Praça da Sé ficarão as bases de apoio da Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Secretaria de Saúde

Outras atrações

• Exposição e comercialização de peças de antiquários;
• Rodas de violeiros, repentistas e Literatura de Cordel;
• Teatro de rua;
• Estatua viva – Jorge Amado;
• Exposição fotográfica com imagens da Bahia;
• Saberes da Bahia: produção ao vivo de peças em cerâmica, bordados, rendas, traçados, artesanatos em palha, pintura em porcelana, papel machê, mosaico, crochê, tear, fuxico;
• Apresentações de bandas de pífanos, barco e barquinha, maculelê, dança afro, samba de lata, reisados, samba corrido e chula, cheganças, cordão de cabloco, marujadas, teatro de bonecos, folguedos, bumba meu boi, lindroamor, cantiga e ciranda, batucadas, afoxés, dança de rua, bagunçaço, Ganhadeiras de Itapuã, Rixô (Fred Menendez), Paroanosaimilhó e outros estilos.

Fonte: Governo da Bahia

Compartilhar nas Redes Sociais

Comentários


 

Veja também

Roteiro reúne o melhor da arte no século XIXPátio do Colégio passa a disponibilizar seu acervo na internet

 

editar    editar    editar    0 visitas    0 comentários