Festival Villa-Lobos leva música a diferentes pontos do Rio

Mais de 60 atrações se apresentam gratuitamente

  
  
Wagner Tiso (piano cachecol) Leonardo Aversa

Quem é amante da Música Popular Brasileira não pode deixar de conferir o 48º Festival Villa-Lobos. De 12 a 28 desse mês, mais de 60 atrações, espalhadas em diferentes pontos do Rio de Janeiro, homenageiam o compositor, que lançou o Brasil no cenário musical internacional, compondo cerca de mil obras, muito valorizadas além das fronteiras do país. Sem contar que o festival é o único evento realizado na Cidade Maravilhosa que dá total espaço para intérpretes, solistas e compositores, por meio de concertos, shows, oficinas, atividades didáticas e mostra de filmes. Com isso, não poderiam faltar novidades. Nesse ano, a programação traz opções inéditas, como a estreia da peça de Villa-Lobos “Cânticos Sertanejos”, o programa “Redescobrindo Villa-Lobos”, além da realização de projetos pedagógicos, com diversas oficinas musicais.

Para os primeiros passos na música ou para aqueles que já estão nessa estrada há um tempinho, o evento organizou o “Núcleo Pedagógico – Formação em Música de Câmera”, nas Casas Casadas, em Laranjeiras, e a “Oficina de prática de instrumentos de sopros e percussão”, no Palacete Princesa Isabel, no Centro Cultural Santa Cruz. Já a série “Villa-Lobos sem Fronteiras” acontece no Espaço Tom Jobim, no Jardim Botânico, e conta com a participação de nomes importantes como Wagner Tiso, Mônica Santiago e o grupo Uakti. A ideia é realizar “encontros” entre Villa-Lobos e grandes nomes da música popular e de concerto, com o objetivo de envolver diversas gerações com suas obras, consagradas ou não.

Fechando o roteiro com chave de ouro, o programa “Redescobrindo Villa-Lobos” apresenta, pela primeira vez, um concerto de música de câmera com obras raras de Villa-Lobos para piano solo e conjuntos instrumentais. Já a obra “Cânticos Sertanejos” se destaca por ter sido escrita quando Villa-Lobos tinha apenas 20 anos de idade. O mais legal é saber que, até hoje, nenhum registro de sua execução foi localizado, e apenas metade da partitura faz parte do acervo do museu Villa-Lobos. Roberto Duarte, maestro especialista na obra de Villa-Lobos, aceitou o desafio de completar a partitura e fazer sua edição, tornando possível a exibição de mais uma obra de um dos gênios da música brasileira.

Confira abaixo a programação completa.
Dia 12, sexta-feira:
18h - Casas Casadas do Rio de Janeiro
Oficinas “Formação em Música de Câmera”
Workshop com Antônio Augusto, Carla Rincón e Antonio Carrasqueira
19h30 - Museu Villa-Lobos
Concerto de abertura
Série “Museu de Câmera: "Vila-Lobos e o Bach Bem Temperado”
Duo Fialkow-Pilger
Ney Fialkow, piano e Hugo Pilger, cello

21h - Casas Casadas do Rio de Janeiro
Série “Mestres em Cena”
Art Metal Quinteto
David Alves e Jesse Sadoc, trompetes; Antonio Augusto, trompa; Marco Della Fávera, trombone e Eliezer Rodrigues, tuba

22h - Casas Casadas do Rio de Janeiro
Série “Encontro de Gerações”
Rabo de Lagartixa convida Valter 7 Cordas
Daniela Spielmann, sax e flauta; Alessandro Valente, cavaquinho; Marcello Gonçalves, violão de 7 cordas, Alexandre Brasil , contrabaixo e Beto Cazes, percussão

Dia 13, sábado:
10h30/13h - Casas Casadas do Rio de Janeiro
Oficinas “Formação em Música de Câmera”

11h - Centro Cultural Municipal Santa Cruz
Série “Música em Santa Cruz”
Flautistas da Pro Arte
Direção musical: Claudia Ernest Dias e Raimundo Nicioli

12h - Centro Cultural Municipal Santa Cruz
Contação de histórias - “Causo de Bicho, Causo de Gente”
Com Rebeca Queiroz e a participação de Warley Gulart

12h - Cineclube do Centro de Visitantes do Jardim Botânico
Mostra “Música e Músicos no Cinema Brasileiro”
Filme: Noel, o Poeta da Vila
Direção: Ricardo van Steen (100 min)

14h - Centro Cultural Municipal Santa Cruz
Mostra “Música e Músicos no Cinema Brasileiro”
Filme: Contratempo
Direção: Malu Mader (91 min)

14h - Cidade das Crianças
Espetáculo de dança “Cirandas Cirandinhas”
Cia. Ana Vitoria

14h30/18h - Casas Casadas
Oficinas “Formação em Música de Câmera”

16h30 - Museu Villa-Lobos
Palestra “Villa-Lobos e o Guia Prático”
Manoel Correa do Lago
Mesa-redonda com Cecília Conde, Mercedes Reis Pequeno, Saloméa Gandelman e Sérgio Barboza

18h - Museu Villa-Lobos
Série “Museu de Câmera”
“Tributo a Garoto” - Orquestra de Sopros da Pro Arte

20h - Casas Casadas do Rio de Janeiro
Série “Mestres em Cena”
Quarteto Radamés Gnattali
Carla Rincón, 1º violino, Francisco Roa, 2º violino; Fernando Thebaldi, viola e Hugo Pilger, violoncelo

22h - Casas Casadas do Rio de Janeiro - Espaço Rio Carioca
Série “Encontro de Gerações”
Rabo de Largatixa convida Zé Menezes
Daniela Spielmann, sax e flauta; Alessandro Valente, cavaquinho; Marcello Gonçalves, violão de 7 cordas, Alexandre Brasil , contrabaixo e Beto Cazes, percussão

Dia 14, domingo:

10h30/13h - Casas Casadas do Rio de Janeiro
Oficinas “Formação em Música de Câmera”

11h - Gramado do Centro de Visitantes/ Jardim Botânico
Série “Choro no Jardim”
Os Matutos
Tadeu Santinho, flauta e flautim, Everson Moraes, trombone e bombardino, Aquiles Moraes, trompete e fluguelhorn, Maycon Júlio, bandolim, Marlon Júlio, violão de 7 cordas, Pablo Carrilho, violão de 6 cordas, Lucas Oliveira, cavaquinho), Magno Júlio, percussão, Marcus Thadeu dos Santos, percussão

11h - Centro Cultural Municipal Santa Cruz
Série “Música em Santa Cruz”
Rabo de Lagartixa
Daniela Spielmann, sax e flauta; Alessandro Valente, cavaquinho; Marcello Gonçalves, violão de 7 cordas, Alexandre Brasil , contrabaixo e Beto Cazes, percussão

12h - Centro Cultural Municipal Santa Cruz
Contação de histórias - “Causo de Bicho, Causo de Gente”
com Rebeca Queiroz e a participação de Ilana Pogrebinschi

12h - Cineclube do Centro de Visitantes do Jardim Botânico
Mostra “Música e Músicos no Cinema Brasileiro”
Filme: Brasileirinho (90 minutos)
Direção: Mika Kaurismaki

14h - Centro Cultural Municipal Santa Cruz
Mostra “Música e Músicos no Cinema Brasileiro”
Filme: Noel, o Poeta da Vila (100 minutos)
Direção: Ricardo van Steen

14h - Cidade das Crianças
Série “Música em Santa Cruz”
“O Samba Carioca de Wilson Baptista”
Rodrigo Alzuguir e Claudia Ventura, vozes, Levi Chaves, flauta e sax, Nando Duarte, violão 7 cordas, Luís Barcellos, cavaquinho, Naife Simões, percussão, Georgia Câmara, bateria e percussão,

14h30/18h - Casas Casadas do Rio de Janeiro
Oficinas “Formação em Música de Câmera”

18h - Museu Villa-Lobos
Série “Jovens Cameristas”
Duo Vieira de Mello e Quinteto de Metais
Manuela Vieira, soprano; Luiz Henrique Mueller, violão; Marcio Luiz Junior, trompete; Neivison Machado, trompete; Igor Yuri Sena, trompa; Rudson dos Santos, trombone; Vitor Brito, tuba

20h - Casas Casadas do Rio de Janeiro
Série “Mestres em Cena”
Quinteto Villa-Lobos
Antonio Carrasqueira, flauta; Luis Carlos Justi, oboé; Paulo Sérgio Santos, clarinete; Aloysio Fagerlande, fagote e Philip Doyle, trompa

Dia 15, segunda:

10h30/13h - Casas Casadas do Rio de Janeiro
Oficinas “Formação em Música de Câmera”

11h - Centro Cultural Municipal Santa Cruz
Série “Música em Santa Cruz”
Os Matutos
Tadeu Santinho, flauta; Aquiles Moraes, trompete; Everson Moraes, trombone; Maycon Júlio, bandolim; Lucas Oliveira , cavaquinho; Pablo Carrilho , violão;
Marlon Júlio, violão; Magno Júlio, percussão e Marcus Thadeu, bateria

12h - Museu Villa-Lobos
“Um Dia no Museu”
Mini concertos didáticos
Quinteto Amigos do Choro
Rafael Velloso, saxofone; Joana Araújo, acordeão; Luis Cláudio Soares, violão; Alan Rocha, cavaquinho e Milena Sá, percussão

12h - Centro Cultural Municipal Santa Cruz
Contação de histórias

“Trança de Flor”, com Rebeca Queiroz

14h - Centro Cultural Municipal Santa Cruz
Mostra “Música e Músicos no Cinema Brasileiro”
Filme: Villa-Lobos, uma vida de Paixão (125 minutos)
Direção: Zelito Viana
14h30/18h - Casas Casadas do Rio de Janeiro
Oficinas “Formação em Música de Câmera”

16h - Museu Villa-Lobos
“Um Dia no Museu”
Contação de histórias – Trança de Flor
Rebeca Queiroz

17h - Museu Villa-Lobos
“Um Dia no Museu”
Carroça de Mamulengos

18h - Casas Casadas do Rio de Janeiro
Concerto de encerramento das oficinas “Formação em Música de Câmera”

Dia 19, sexta:
19h30 - Museu Villa-Lobos - Série “Museu de Câmera”
“Redescobrindo Villa-Lobos” / Peça inédita do Villa-Lobos “Cânticos Sertanejos
Lúcia Barrenechea, piano, Marcelo Bomfim, flauta, Cristiano Alves, clarinete, Elione Medeiros, fagote, Quarteto Rio de Janeiro (Felipe Prazeres, 1º violino, Gustavo Meneses, 2º violino, Ivan Zandonade, viola e Marcus Ribeiro, violoncelo), Ricardo Cândido, contrabaixo e convidados

22h - Casas Casadas do Rio de Janeiro - Espaço Rio Carioca
Série “Encontro de Gerações”
Água de Moringa convida Jorginho do Pandeiro
Rui Alvim, clarinete, clarone e sax tenor; Marcilio Lopes, bandolim e violão tenor; Jayme Vignoli, cavaquinho; Luiz Flávio Alcofra, violão e viola caipira; Josimar Carneiro, violão de 7 cordas eAndré Boxexa, bateria e percussão

Dia 20, sábado:
11h - Centro Cultural Municipal Santa Cruz
Série “Música em Santa Cruz”
Quinteto de Metais da Banda Filarmônica do Rio de Janeiro
Marcio Junior e Neivison Machado, trompetes; Marco Aurélio, trompa; Diego Ribeiro, trombone e Vitor Brito, tuba

12h - Cineclube do Centro de Visitantes do Jardim Botânico
Mostra “Música e Músicos no Cinema Brasileiro”
Filme: Carmen Miranda: Bananas is My Business (92 minutos)
Direção: Helena Solberg
14h - Centro Cultural Municipal Santa Cruz
Mostra “Música e Músicos no Cinema Brasileiro”
Filme: Brasileirinho (90 minutos)
Direção: Mika Kaurismaki

14h30 - Cidade das Crianças
Série “Música em Santa Cruz”
Banda Filarmônica do Rio de Janeiro
Regência: Maestro Antonio Henrique Seixas

18h - Museu Vila- Lobos
Série “Museu de Câmera: “Da Elegia à Fantasia - A Integral da obra para Violino de Vila-Lobos (1ª parte)”
Daniel Guedes (violino) e Flávio Augusto (piano)

22h - Casas Casadas do Rio de Janeiro - Espaço Rio Carioca
Série “Encontro de Gerações”
Água de Moringa convida Joel Nascimento (bandolim)

Fonte: Rio Guia Oficial

  
  

Publicado por em