Mostra coletiva faz releitura da arte do século XVII no Rio de Janeiro

A arte européia do século XVII ganha uma releitura a seis mãos na exposição coletiva Guilda de São Francisco, inaugurada no Museu Nacional de Belas Artes

  
  
Exposição fica em cartaz de 30 de novembro até 5 de fevereiro

A arte européia do século XVII ganha uma releitura a seis mãos na exposição coletiva Guilda de São Francisco, inaugurada no dia 29 de novembro no Museu Nacional de Belas Artes. Os artistas Celio Belem, Claudio Valerio Teixeira e Milton Eulálio se basearam, principalmente, na obra do pintor flamengo Peter Paul Rubens (1577-1640) para criar telas que mesclam personagens e temas frequentes naquela época com cenários atuais, como a cidade de Fukushima e cartões postais do Rio de Janeiro e Niterói, cidade natal dos três artistas.

Utilizando técnicas centenárias de pintura, como o uso do método indireto, a imprimatura, a construção em grissaille e a velatura de acabamento, eles retratam situações do cotidiano por meio da estética do século XVII. Na obra coletiva “Ceres, Venus e Baco”, por exemplo, o paralelo entre épocas distintas se expressa “na docilidade de texturas alcançada por sucessivas capas de pintura compactuando com o ponto de vista dos personagens da idílica cena pagã, localizado na favela da Rocinha”.

Além desta, outras 5 telas de médio e grande formato, em óleo sobre tela, integram a exposição: “ Baco jovem” (foto), de 2005; “Céu da China - Natureza morta com a cidade de Chongqing ao fundo”, de 2009); “Baco e Ninfas”, de 2010; “Pastores da Arcadia - Et in Arcádia Ego, (D’après Nicolas Poussin), de 2011, e ainda “Natureza morta com Fukushima ao fundo”, de 2011.

Serviço
Mostra coletiva Guilda de São Francisco
Abertura: 29 de novembro, às 18h.
Período: de 30 de novembro até 5 de fevereiro.
Visitação: de terça a sexta de 10h às 18h, e sábados, domingos e feriados de 12h às 17h.
Entrada: R$ 8 (inteira) e R$ 4 (meia)
Museu Nacional de Belas Artes – Av. Rio Branco, 199 (Cinelândia) - tel: (21) 2219-8474.
Para mais informações, visite o site: www.mnba.gov.br

Fonte: Rio Guia Oficial

  
  

Publicado por em