Alasca: conheça a Terra dos Contrastes e dos Esportes Radicais

Como Terra dos Contrastes nas paisagens, o Alasca é um local de grande variedade de opções para esportistas de diversas modalidades, em especial os esportes radicais como rafting, mountain-bike, montanhismo e off-road. Conheça o outro lado do Alasca!

  
  
O Alasca apresenta uma infinidade de paisagens paradisíacas, além de possuir enorme variedade de ecossistemas

A primeira impressão é de que o Alasca é um local frio no qual praticam apenas esportes de neve. Engana-se, porém, quem tem essa visão superficial sobre a região.

O Alasca apresenta uma infinidade de paisagens paradisíacas, além de possuir enorme variedade de ecossistemas. Maior estado americano, o Alasca contém florestas úmidas e florestas secas e tundras que ilustram a diversidade de um ambiente que tem como estereótipo a singularidade do gelo.

Grandes geleiras contrastam com um enorme deserto. Mais de 70 vulcões contradizem o predominante gelo. Esses aspectos fazem do Alasca a “Terra dos Contrastes” e pouca interferência do homem nessas paisagens fazem da região um dos locais mais bonitos do mundo.

É preciso ressaltar, porém, que para viajar ao Alasca não basta comprar passagens aéreas e separar algumas roupas para o frio. Viajar ao Alasca consiste em um planejamento complexo e detalhado. O período ideal para visitar a região é durante o verão do hemisfério norte, que acontece entre os meses de junho e agosto. É importante ressaltar que a temperatura na região pode variar entre -8ºC e 10º C, sendo as temperaturas mais baixas registradas ao norte do estado e as mais altas ao sul (próximo ao Canadá).

Uma curiosidade sobre o Alasca é que em alguns locais do estado, só se obtém luz de maneira artificial durante o inverno. Isso exige um preparo extra para visitar alguns pontos do Alasca, geralmente localizados ao norte do estado.

Esportes de Aventura no Alasca
Não é apenas de montanhismo e esportes de neve que se limita a prática de esportes no Alasca. Como Terra dos Contrastes nas paisagens, pode-se definir o Alasca como um local de grande variedade de opções para esportistas de diversas modalidades, em especial os esportes radicais.

Até então seria difícil acreditar na prática de mountain-bike, canoagem, off road e rafting no Alasca, mas é de se imaginar que uma terra com diversos “terrenos” deve ser propícia para a prática de diversos espores. Veja a lista abaixo de esportes que podem ser praticados no Alasca.

Caiaque

Se os esquimós são o símbolo do Alasca, o caiaque é o símbolo desse povo que habita nossas imaginações apenas pela aparência e moradia. Durante séculos, o caiaque foi o único meio de transporte dos esquimós. Não por acaso, na língua esquimó a palavra caiaque significa “barco de caçador”, afinal, eles os utilizavam para a pesca.

No Alasca não faltará belíssimos lagos para passear de caiaque. Espantosamente, existem mais de três milhões de lagos espalhados pelo estado. Uma dica é escolher o Parque Estadual Wood-Tikchil, onde ficam os lagos cristalinos Nerka, Kulik e Beverly.

Montanhismo

Para evitar avalanches, o ideal é que as escaladas sejam feitas entre os meses de maio e junho

Fica no Alasca a montanha mais alta da América do Norte, o Monte McKinley, que possui 6.194 metros de altitude e faz parte da Cadeia de Montanhas do Pacífico. A região ainda abriga outras cadeias montanhosas famosas, como as Montanhas Rochosas, também indicadas para quem gosta de aventura.

Para evitar avalanches, o ideal é que as escaladas sejam feitas entre os meses de maio e junho. Os montanhistas também devem se preocupar com os ursos polares da região, afinal, os ursos 'alpinistas' comem o que estiver a sua frente sem cerimônias.

Mountain-bike

O Alasca possui uma das melhores e maiores trilhas de mountain-bike do mundo

O Alasca possui uma das melhores e maiores trilhas de mountain-bike do mundo. Ao longo dos seus 1700 quilômetros de extensão, a trilha passa por tundra seca, rios e florestas, oferecendo como paisagens durante o trajeto toda a vida selvagem. Ela é conhecida como Trilha de Iditarod (Iditarod Trail, em inglês), mesmo nome da cidade local.

Off-Road

Passear de carro pelo Alasca já é uma aventura off-road por si só

Passear de carro pelo Alasca já é uma aventura off-road por si só. Tendo em vista que a maior parte do transporte é feita por água ou ar, existem apenas oito estradas pavimentadas no Alasca. Dalton Highway é uma das maiores rodovias do estado e considerada perigosa devido aos grandes visitantes (ursos e alces). A rodovia é um local proibido pelas locadoras de veículo da região. O ideal é alugar um carro no Canadá e partir para o mundo off-road no Alasca.

Rafting

O Alasca ainda possui mais de três mil rios, sendo um deles o terceiro maior dos Estados Unidos, o Rio Yukon

Está no Alasca o melhor lugar dos Estados Unidos para prática de rafting. As montanhas do Wrangell-St. Elias National Park fizeram dos rios que passam por ali um local perfeito para a prática do esporte radical.

O rio Tana é classificado como ideal para quem gosta de viver a vida radicalmente. Além disso, o Alasca ainda possui mais de três mil rios, sendo um deles o terceiro maior dos Estados Unidos, o Rio Yukon.

Caminhada

O ideal é fazer as trilhas do Parque Nacional do Denali, mas muitos turistas gostam de se aventurar em outras trilhas mais excêntricas

O ideal é fazer as trilhas do Parque Nacional do Denali, mas muitos turistas gostam de se aventurar em outras trilhas mais excêntricas. Deve-se ressaltar, porém, que o Alasca é um território selvagem, sendo apenas 1% dele habitado. Se perder é algo fácil e a situação pode ficar muito complicada.

Não se esqueça, segurança é tudo! Nada de desrespeitar as regras locais e, principalmente, use todos os equipamentos de segurança necessários e curta a viagem radical pelo Alasca sem problemas!

Surpreenda-se ao conhecer o lado oculto do Alasca.

Por Dennys Marcel

  
  

Publicado por em