Esportes radicais e belas paisagens em São Bento do Sapucaí

Localizada na Serra da Mantiqueira, cidade possui trilhas, cachoeiras e artigos da cultura quilombola

  
  
São Bento do Sapucaí traz como destaque o Monumento Natural Estadual da Pedra do Baú

Com trilhas, cachoeiras e escalada, São Bento do Sapucaí é uma boa opção para os turistas que buscam belas paisagens e esportes de aventura. Distante 175 quilômetros de São Paulo, a cidade está localizada na Serra da Mantiqueira e se destaca também pela cultura quilombola e o Monumento Natural Estadual da Pedra do Baú.

Logo na chegada, não é difícil observar o Complexo da Pedra do Baú. O local é excelente para a prática de voo livre e é composto pela própria Pedra do Baú, Bauzinho e Anachata. Para se chegar ao topo da montanha, o turista pode escolher ser mais radical e escalar através dos grampos ou ir tranquilamente pela trilha.

Adiante, a Cachoeira do Toldi impressiona os visitantes com a beleza de sua queda. Já na Cachoeira dos Amores, é possível relaxar e recarregar as energias nas águas frias.

Na cidade, é difícil não se encantar com a Igreja Matriz de São Bento. A construção, do século 19, feita por escravos em taipa de pilão, possui em seu interior um rico acervo de pinturas, afrescos e telas sacras.

O turista que preferir pode ainda passar um final de semana no Bairro do Canta Galo para conhecer mais do turismo rural. Durante o período, a comunidade acolhe o visitante que por sua vez pode andar a cavalo, fazer trilhas e desfrutar da hospedagem.

Na Cachoeira dos Amores os turistas podem recarregar as energias nas águas frias

Cultura
Na parte cultural, São Bento do Sapucaí se destaca pela arte quilombola. No Bairro do Quilombo os turistas encontram diversas peças produzidas com palha de bananeira, palha de milho, piaçava, sementes, argila e fibra. Outro local muito visitado é o Ateliê de Ditinho Joana. O artesão é reconhecido internacionalmente por fazer esculturas em madeira que retratam a vida na roça.

Quem for visitar a cidade em novembro vai poder conferir a Festa da Banana. Entre os dias 15, 16 e 17, os turistas poderão assistir a palestras e provar o gostinho da gastronomia típica caipira.

Fonte: Governo de São Paulo

  
  

Publicado por em