Monte Roraima esconde mistérios e natureza exuberante no norte do Brasil

No extremo norte do Brasil, fronteira com a Venezuela e Guiana, o Monte Roraima possui características únicas e esconde belezas de uma região ainda muito pouco explorada

  
  
Monte Roraima

No extremo norte do Brasil, fronteira com a Venezuela e Guiana, o Monte Roraima possui características únicas e esconde belezas de uma região ainda muito pouco explorada. Com 2.739 metros de altitude, é um dos pontos culminantes do Brasil e por isto também é cobiçado por montanhistas.

Diferentemente da maioria das montanhas, seu topo é plano e se assemelha a uma imensa mesa, com cerca de 90 quilômetros de extensão. Dezenas de nascentes saem do cume, dando origem a diversas cachoeiras que desabam do alto do Roraima.

A caminhada até a base é feita pelo lado venezuelano. É necessário ir munido de alimentação, água, barracas, etc. Um programa completo passando por várias regiões próximas pode durar até sete dias e inclui visitação ao Marco das Três Fronteiras, Lago Gladys, Vale dos Cristais, entre outros.

Proteção e preservação - O Parque Nacional do Monte Roraima foi criado em 28 de junho de 1989, pelo então presidente da república José Sarney. O objetivo principal foi para a proteção da flora, fauna e demais recursos naturais da Serra Pacaraíma.

Hoje é administrado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Apesar de sua grandiosidade e imponência, apenas 5% do Monte Roraima pertence ao Brasil e outra pequena parte está na Guiana.

A capital Boa Vista também está repleta de atrações de turismo de aventura. A região é cercada por diversas cachoeiras, como a do Funil, formada por um furo feito por garimpeiros no igarapé Cabo Sobral. A água escorre por entre as rochas, com diversas corredeiras e saltos.

O Parque Anauá é o maior da Região Norte e dispõem de toda a infraestrutura para maximizar a diversão dos visitantes, além de um moderno espaço coberto para shows, pista de bicicross e kart, anfiteatro, Museu Integrado de Roraima, parques infantis, parque aquático público recém-reformado, espaço para aeromodelismo, restaurantes, lanchonetes, lago, fontes e escolas. O Balneário Água Boa é um iguarapé de águas claras com muita vegetação localizado a apenas 15 quilômetros do centro da cidade.

Pedalar na fronteira com a Venezuela, conhecer a Chapada do Tepequém e visitar o Forte de São Joaquim são outras opções de passeios com toda a família.

Para a realização de todas estas atividades de aventura é importante que o visitante procure empresas especializadas nestes produtos.

Todos estes destinos são contemplados pelo Programa de Promoção e Comercialização Nacional da ABETA (Associação Brasileira das Empresas de Ecoturismo e Turismo de Aventura), que trabalha para fortalecer o segmento e reforçar o potencial do Brasil para oferta segura e responsável de atividades de Ecoturismo e Turismo de Aventura.

Fonte: AD Comunicação & Marketing

  
  

Publicado por em

Lucas Aires

Lucas Aires

19/05/2012 12:56:45
Eu moro aqui e posso dizer que é show de bola!

Mário grott

Mário grott

10/04/2012 11:40:05
Estou surpreso. Será que Roraima é tudo isso mesmo ?