O turismo internacional apresentou um alto índice de crescimento na Espanha

A balança comercial do setor turístico espanhol registrou um superávit de 28,6 bilhões de euros

  
  

A Espanha recebeu 57,9 milhões de turistas internacionais em 2012 o que representa um incremento do 3% com relação ao ano anterior. O gasto total foi de 55,7 bilhões de euros, um 5,9% a mais do que em 2011, segundo avance dos dados do Ministério de Indústria, Energia e Turismo.

Cabe destacar o aumento do número de turistas rusos (+41,3%), franceses (+6,7%) e alemães (+4,1%).

Por comunidades autônomas de destino, a favorita dos turistas foi a Catalunha que experimentou um aumento do 9,8%, seguida de Baleares (+3,6%) e Madri (+2,1%).

Além, do incremento próximo ao 6% registrado no gasto total, o gasto médio por pessoa subiu 2,7%, até os 968,8 euros, enquanto o gasto médio diário cresceu um 6,6%, até os 109,5 euros.

Por mercados de origem, o mercado dos países Nórdicos teve um importante crescimento no gasto (+9,8%), seguido pelos turistas ingleses (+8,1%) e alemães (+4,7%).

De outro lado, as comunidades autônomas as que experimentaram um maior aumento no gasto foram, Catalunha (+13%), Comunidad Valenciana (+9%) e Baleares (+6,4%).

Com relação aos mercados emergentes cabe destacar o comportamento do mercado russo, cujo número de visitantes se incrementou num 41,3%, nos onze primeiros meses do 2012, e teve um aumento do gasto de 52,2%, chegando a cifra de 1,8 bilhões de euros, com um gasto médio por pessoa de 1.536 euros.

O mercado brasileiro cresceu um 7,9% nesse período, com um aumento no gasto de 8%, e um gasto médio por pessoa de 1.989 euros.

Já os visitantes provenientes da Índia cresceram um 87,2% até novembro de 2012, sendo que o gasto médio por pessoa foi de 1.787 euros.

Cabe destacar que a balança comercial do setor turístico espanhol registrou um superávit de 28,6 bilhões de euros, com uma taxa de cobertura do déficit comercial do 123,3% e do déficit por conta corrente do 192%, um resultado muito superior ao de exercícios anteriores.

Visite: www.revistaecotour.com.br

Fonte: Escritório de Turismo da Embaixada da Espanha

  
  

Publicado por em