Amapá na rota do turismo internacional

Roteiro turístico visitado por jornalistas brasileiros e estrangeiros em setembro passado rende reportagem na principal revista especializada de Portugal, entre outras mídias

  
  

No último sábado (13), o setor de turismo do Amapá ganhou repercussão internacional com a realização, em setembro de 2009, do Fampress do Sebrae/AP, evento que reuniu jornalistas locais, nacionais e internacionais. O repórter Filipe Morato Gomes emplacou uma matéria numa das mais importantes revistas de viagem de Portugal, a Fugas, que circula semanalmente encartada no diário Jornal Público, mostrando as belezas naturais, a gastronomia e a hotelaria do Amapá.

Tudo começou com o Projeto Estruturante de Turismo da Amazônia Brasileira idealizado e executado pelo Sebrae. Estrategicamente, no período de 21 a 25 de setembro de 2009, uma viagem apresentou um roteiro turístico para jornalistas com atrativos em Macapá, Porto Grande, Serra do Navio e Ferreira Gomes.

A logística para os jornalistas foi preparada pelo Sebrae/AP em parceria com a Agência Brasileira de Viagens no Amapá, Sindicatos do Guias Turísticos e as Associações Brasileira de Bares e Restaurantes, e da Indústria Hoteleira, Convention e Visitors Bureau, Abav, Singtur, Abrasel e Abih que formam o Trade Turístico no Estado.

Segundo a diretora técnica do Sebrae, D’Arc Marques, “a realização do Fampress no Amapá foi um grande achado para o trade turístico; ter o nosso Estado como matéria principal de portais como o UOL e da revista portugeza é gratificante. São essas informações que aguçam a curiosidade dos turistas para virem até aqui, especificamente a beleza que foi essa publicação do jornalista Felipe Morato.”

Segundo o jornalista português, “estou certo que valeu a pena o convite que vocês me fizeram: nunca aqui se falou tanto do Amapá como nesta semana. Para mim foi um grande prazer, espero outras oportunidades para fazermos coisas juntos e, claro, espero que o pessoal do Amapá aprecie este meu trabalho sobre o Estado. Escrevo sobre o que senti, o que vivi, com nomes e rostos, para colocar o leitor no meu lugar e fazê-lo viajar comigo”.

Fampress

É um roteiro direcionado a jornalistas especializados em turismo e formadores de opinião pública. No Amapá, o grupo escolhido teve a oportunidade de conhecer os atrativos do estado para divulgar suas belezas naturais e inseri-las no cenário turístico nacional e internacional.

Os principais jornais diários e semanais de Macapá publicaram várias matérias sobre o Fampress e o roteiro turístico que é comercializado em Feiras do Setor nos grandes centros do País. O Estado obteve mídia nacional em blogs de viagem que recebem milhares de visitas diárias, ganhou publicação de matéria em jornal dirigido à comunidade japonesa do Brasil e, no sábado (13), a revista Fugas também mostrou o Amapá, suas belezas naturais, gastronomia e hotelaria.

Para a gestora do projeto de turismo do Sebrae/AP, Nira Brito, a matéria do jornalista português Felipe Morato traz a sensação do dever cumprido e um sentimento de êxito e felicidade. “Trabalhar de forma compartilhada junto ao trade turístico amapaense (Convention e Visitors Bureau, Abih, Abav, Abrasel, Singtur) foi a diferença. Quando empresários locais aceitaram a proposta de unir forças para alcançar os resultados, não poderíamos esperar outra coisa senão, o sucesso”, disse a gestora.

O blog oficial da revista Fugas está dando destaque ao Amapá, com fotos e um editorial. Seguem os endereços eletrônicos:
http://fugaspublico.blogspot.com/2010/02/amazonia-de-amapa-fotogaleria-nosso.html e
http://fugaspublico.blogspot.com/2010/02/check-in-diario-do-amapa.html

Serviço:
Sebrae/AP - (96) 3312-2832
Central de Relacionamento Sebrae - 0800-570-0800
www.ap.sebrae.com.br

Fonte: Agência Sebrae de Notícias

  
  

Publicado por em

Raquel

Raquel

18/01/2011 17:05:00
Olá, fiz o curso Técnico de Turismo e Hospitalidade no CEAP. Um aluno de cada turma foi indicado para fazer cursos gratuitos com vocês(SEBRAE) e fui uma delas aguardo novidades.

Equipe EcoViagem

Equipe EcoViagem

Olá, Para mais informações recomendamos que entre em contato direto com o SEBRAE. Atenciosamente, Equipe Ecoviagem