Que tal curtir a Páscoa na Itália?

Celebrações irreverentes e gastronomia, além dos ovos de chocolate, marcam a Semana Santa no país

  
  
Trapani

Contrapondo a versão comemorada no Brasil, a Páscoa na Itália vai muito além dos ovos de chocolate. Em território italiano, a Páscoa é motivo de grandes festas com direito a fantasias inusitadas, competições curiosas, e apresentações performáticas que emocionam turistas e a população local.

A ENIT Agência Nacional Italiana de Turismo selecionou com exclusividade algumas dessas opções para curtir a Páscoa. Confira:
Celebrações curiosas

Em Val Gardena, no extremo norte da Itália, uma antiga tradição chama a atenção. Na pequena vila, no dia 19 de março (Dia de São José), um grupo de solteiros vai à “Casa das Solteiras”. Na ocasião, os solteiros encomendam ovos pintados que deverão ser recolhidos na segunda-feira de Páscoa. Se, por acaso, o ovo vier com uma cor diferente, significa que houve interesse por parte da “solteira”.

Na sexta-feira, 29 de março, antes da Páscoa, em Trapani, região próxima a Costa da Sicília, acontece o Misteri, evento no qual enormes troncos são carregados pelos moradores. Ao longo do percurso são realizadas paradas nas estações via-crúcis com o objetivo de rogar por proteção.

Em Oliena, na região da Sardenha, acontece a procissão chamada “S’Incontru”. No domingo de Páscoa, 31 de março, são realizadas duas marchas de diferentes igrejas. Uma delas, desfila com a estátua de Cristo, e a outra, com a da Virgem. Quando as duas se encontram, habitantes locais sobem no alto dos edifícios, e começam a atirar no ar. Neste momento é celebrada a alegria do reencontro de Jesus e sua mãe durante a ressurreição.

Também no domingo de Páscoa, em Fermignano, na região dos Marche, acontece a festa “Palio della Rana”. O evento, que é conhecido como a “Corrida do Sapo” pelos turistas, reúne jovens locais que, em seus carrinhos de mão, levam seus sapos com o objetivo de alcançar a primeira posição da corrida.

No domingo, 31 de março, e segunda-feira, 1o de abril de Páscoa, acontece, em Tredozio, na região de Emilia Romana, o “dell’Uovo Palio”. Neste evento, o ovo é a estrela da vez. Com dois dias de disputas, as equipes competem em diversas modalidades curiosas, entre elas: tiro ao alvo; batalha de ovos; procura por ovos em um palheiro; corrida de saco; entre outros.

Já em Sulmona, na região de Abruzzo, ocorre a cerimônia da “Madonna che Scappa”. Na ocasião, há uma encenação: a Virgem, vestida de preto, sai da igreja e vai até a fonte da praça onde encontra o Cristo ressuscitado. De repente, quando libertada do manto negro, a personagem surge com uma bela veste cor verde brilhante. No final, há fogos de artifício ao som da banda, aplausos do público, além do abraço fraternal que embala todos os participantes da festa – este é o momento mais emocionante da Páscoa que revive a esperança.

O fato é que tradição, cultura e muita fé sempre estarão presente neste que é um momento de renascimento. Então, aproveite!

Fonte Embarque na Viagem

  
  

Publicado por em