Turismo reconhecido pelo G-20

De forma inédita, os líderes do G-20 reconhecem e atestam a importância do turismo para o desenvolvimento econômico global. É o que diz a declaração final do encontro das vinte maiores economias do mundo

  
  
De forma inédita, os líderes do G-20 reconhecem e atestam a importância do turismo para o desenvolvimento econômico global

De forma inédita, os líderes do G-20 reconhecem e atestam a importância do turismo para o desenvolvimento econômico global. É o que diz a declaração final do encontro das vinte maiores economias do mundo, realizado na cidade de Los Cabos, México, nos dias 18 e 19 de junho.

O 25º parágrafo do documento afirma: "reconhecemos o papel de Viagens e Turismo como um veículo para a criação de emprego, crescimento econômico e desenvolvimento e, embora reconhecendo o direito soberano dos Estados de controlar a entrada de estrangeiros, iremos trabalhar no sentido de desenvolver iniciativas para a facilitação de viagens em apoio à criação de emprego, crescimento da qualidade de trabalho e redução da pobreza e crescimento global", afirma o texto.

Taleb Rifai, secretário-geral da Organização Mundial do Turismo, e David Scowsill, presidente & CEO do World Travel & Tourism Council (WTTC), defenderam o novo olhar sobre o setor. “Celebramos os líderes mundiais do G-20 por reconhecerem a importância do setor de viagens e turismo como motor do crescimento econômico e de criação de empregos pela primeira vez, e estamos prontos para apoiar todos os esforços por parte dos países do G-20 neste sentido. Ao facilitar vistos, os países do G-20 têm a ganhar cinco milhões de empregos em um momento de desemprego galopante em todo o mundo.”

Para o ministro do Turismo, Gastão Vieira, o reconhecimento simboliza o papel que a atividade vem desempenhando nas principais nações nos últimos anos. “A cadeia produtiva do turismo tem atuado com desenvoltura para superar as dificuldades econômicas. No Brasil, este trabalho demonstra grandes resultados, que tendem a crescer com os investimentos que estão sendo realizados pelo governo federal e pela iniciativa privada para a organização da Copa do Mundo da FIFA 2014 e as Olimpíadas de 2016”, disse.
A íntegra da declaração do encontro pode ser conferida em:
http://www.g20.org/images/stories/docs/g20/conclu/G20_Leaders_Declaration_2012.pdf

Fonte: MTur

  
  

Publicado por em