Volta ao Mundo em 21 Dias

Quantas vezes já sonhou em dar a volta ao mundo e visitar, de uma só vez vários países? Mas uma volta ao mundo não é uma viagem fácil de se programar. Não só pelo tempo que exige, mas também pelo preço em custa

  
  
Uma dos destques da viagem são os safaris pela África

Uma viagem singular, a bordo de um avião fretado exclusivamente para esta aventura à volta do planeta, com passagem por metrópoles como Hong Kong e Los Angeles, passeios pela selva profunda no Brasil e safaris na África austral.

Quantas vezes já sonhou em dar a volta ao mundo e visitar, de uma só vez vários países? Mas uma volta ao mundo não é uma viagem fácil de se programar. Não só pelo tempo que exige, mas também pelo preço em custa. Por isso, existem agências que organizam a viagem pelo mundo a bordo de aviões privativos, com direito a catering de luxo, estadias em hotéis e resorts de cinco estrelas, guias em português, visitas a locais únicos, safaris em África ou caminhadas pela selva amazônica.

Podemos considerar esta aventura uma versão moderna da grande odisseia de Phileas Fogg, personagem famoso de Júlio Verne em a Volta ao Mundo em 80 dias, mas com a vantagem, de ser poupado a imprevistos e problemas.

Agendando a viagem que dura em média 21 dias, ela começa em São Paulo com destino a Lisboa e segue depois para Nairobi, no Quênia, uma das cidades africanas mais interessantes do momento, com uma mistura exótica de edifícios modernos, restaurantes cosmopolitas, mercados tradicionais e trânsito caótico.

Hong Kong

A reserva de Masai Mara é um dos únicos locais do mundo onde se pode ver em qualquer época do ano os "Cinco Grandes da selva": leões, leopardos, elefantes, búfalos e rinocerontes, além de mais de quinhentas espécies de aves.

Depois o recomendado é seguir para Macau e Hong Kong, encontrando um ambiente exclusivo e requintado. Outras cidades que os interessados não podem deixar de vistar são: Sydney, na Austrália, a ilha de Oahu, no Havai, Los Angeles, Hollywood e Beverly Hills. Manaus, no Brasil, é o último destino antes do retorno para casa, para um mergulho na Amazônia, reserve dois dias, incluindo visitas a casas de índios nativos, pesca de piranhas, passeios de canoa e caminhadas na selva.

O preço não é barato, mas é uma experiência única. Com valores a partir de R$ 27 mil, na maioria das operadoras, este preçojá inclui todas as despesas de viagem, transportes e refeições.

Fonte: Destinos de Viagem

  
  

Publicado por em