Viajar sempre! Destinos perfeitos para a terceira idade

Uma das melhores formas de se curtir a vida é viajando. E os idosos sabem disso como ninguém! Conheça alguns dos melhores destinos para a terceira idade.

  
  
Quais lugares do Brasil melhor recebem os idosos?

Mesmo após muito trabalho e dedicação à família, os idosos não querem sentar em cadeiras de balanço e ver o tempo passar.

O público que mais viaja tornou-se queridinho das agências de viagem, que traçam roteiros exclusivos para essa faixa etária.

Destinos nacionais

O Brasil é rico em paisagens naturais. A região Nordeste é conhecida por suas belas praias. O potencial turístico do país também conta com as cidades históricas mineiras, patrimônio histórico da humanidade devido à sua arquitetura.

Águas de Lindoia (SP) e Caldas Novas (GO)

Ambas são famosas por seus balneários de águas termais.

Localizada no interior de São Paulo, Águas de Lindoia oferece clima pacato e sediou o 31º Encontro da Feliz Idade.

Para quem deseja relaxar nas águas que beiram os 51ºC, Caldas Novas oferece a maior rede hoteleira do Centro-Oeste.

O clima ameno do interior na Serra da Mantiqueira costuma agradar bastante ao público idoso

Serra Negra (SP) e Socorro (SP)

Situadas no interior de São Paulo, Serra Negra e Socorro tem, entre seus atrativos, além da tranquilidade, a produção de malhas, muitas confecções e permanentes feiras de artesanato.

Em Socorro, o turista ainda tem a opção de fazer trilhas e caminhadas moderadas. Ideal para pessoas da terceira idade.

Holambra (SP)

Os amantes da natureza adoram a beleza de Holambra

Os apaixonados por flores e plantas não podem deixar de incluir Holambra em seu roteiro. A colonização holandesa está presente na arquitetura e culinária. A cidade sedia a Exploflora, o principal evento de flores da América Latina.

Fortaleza (CE)

As paisagens de Fortaleza encantam os olhos dos turistas

O belo litoral cearense em si já é motivo para uma visita. As lojas do Mercado Central são a melhor opção para conhecer os famosos bordados e objetos de palha trançados.

Salvador (BA)

O forte cultural pode agradar bastante aos que curtem conhecer história e arquitetura

A capital baiana une a beleza litorânea, religiosidade, arquitetura e história. Igrejas, casas e fortes construídos na época colonial compensam as caminhadas que levam até os mesmos.

Cidades históricas mineiras

O turismo religioso, tranquilo e agregador, é uma ótima opção para idosos nas cidades históricas

As cidades de Ouro Preto, Tiradentes, Mariana, São Thomé das Letras e suas igrejas decoradas por Aleijadinho são patrimônio da humanidade e rotas do turismo religioso brasileiro.

Mas, prepare-se para percorrer por ruas íngremes e de paralelepípedos, por isso use calçados confortáveis.

Gramado (RS)

Gramado atende perfeitamente aos gostos mais refinados e adeptos do clima frio

O clima extremamente frio, arquitetura, bons vinhos e os famosos chocolates artesanais fazem de Gramado uma cidade europeia. A gastronomia e belezas naturais também são elementos bastante atrativos.

Destinos internacionais

Para quem já conhece bem o Brasil, a América Latina e Europa possuem opções financeiramente acessíveis que podem ser válidas para viagens para a terceira idade.

Buenos Aires (Argentina)

As opções sofisticadas e elegantes de Buenos Aires podem ser a melhor opção aos idosos de gosto mais refinado

A capital argentina oferece tango, vinhos e bife de chorizo jugoso. A cidade tem bares e restaurantes charmosos, como o Café Tortoni na Plaza de Mayo. O mausoléu de Evita Perón na Avenida Alvear no charmoso bairro da Recoleta e o badalado bairro de Palermo com suas lojas de design são os carros-chefes de Buenos Aires.

Portugal

Falar outro idioma pode ser um problema? Não em Portugal

Não dominar outro idioma pode fazer muita gente desistir das viagens internacionais. Por conta disso, Portugal pode ser a rota de entrada dos idosos para a Europa. Vinho do porto, pastéis de Santa Clara, a receptividade do povo português e os monumentos históricos que representam nossas raízes são os cartões de visita do país.

Vale lembrar também que o programa Viaja Mais Melhor Idade, criado pelo governo federal, tornou o turismo possível a muitas pessoas, e as agências de viagem, não querendo ficar para trás, criam roteiros específicos a esse público, reduzindo os preços e facilitando os custos. Para saber mais: http://www.viajamais.gov.br/vm/

Entretanto, essa não deve ser a única razão para desbravar outras cidades ou países, pois viajar implica interagir com desconhecidos, adequar-se a comidas, horários e costumes distantes da realidade. Tudo isso é difícil, porém, traz frescor e energia à vida.

A idade pode ser avançada, mas deve-se sempre encontrar espaço para o novo.

  
  

Publicado por em