Acre e Amapá oferecem muitas belezas naturais e culturais

O folclore amapaense chama a atenção pela variedade de ritmos, sons, musicalidade e danças, predominantemente de origens afrodescendentes,

  
  

O novo ano começou e o período de férias está “aberto” por todo o país. Em todas as regiões, os destinos estão preparados para receber turistas com os interesses mais diversos.

Ainda em dúvida sobre o roteiro a ser seguido? O Amapá e o Acre, na região Norte, têm diversas opções que encantam moradores e visitantes.

No estado do Amapá, o Roteiro “Experiências e Vivências Amazônicas no meio do Mundo” atrai fãs do ecoturismo. A capital do estado, Macapá, está localizada no centro do mundo, o que dá à cidade o privilégio de assistir ao fenômeno do equinócio.

O folclore amapaense também chama a atenção pela variedade de ritmos, sons, musicalidade e danças, predominantemente de origens afrodescendentes, representadas pelo batuque e pelo marabaixo.

Entre os principais atrativos da localidade estão: a Fortaleza de São José, construída no século XVIII; o Complexo Marco Zero, que tem um relógio posicionado no local exato onde uma linha imaginária divide a Terra em dois hemisférios; a Trilha Ecológica na Ilha de Santana; as festas de São Tiago e Divino Espírito Santo, em Mazagão; e o Rio Araguari.

Logo ali por perto, no estado do Acre, os apreciadores do “verde” também podem aproveitar para conhecer o “Roteiro Caminhos das Aldeias e da Biodiversidade”.

O Vale do Juruá é o local onde estão a cidade de Cruzeiro do Sul e o Parque Nacional da Serra do Divisor, considerado por muitos pesquisadores como a região de maior biodiversidade do planeta. Neste lugar, o turista conhece comunidades indígenas, culturas e costumes.

Partindo da capital Rio Branco, várias rotas podem ser desbravadas em direção ao Vale do Juruá. Destacam-se o Parque Ambiental Chico Mendes; o Parque Capitão Ciríaco; e a Serra do Divisor, localizada na fronteira do Brasil com o Peru.

Visite: www.revistaecotour.com.br
Fonte: MTur

  
  

Publicado por em