Alagoas vai comemorar recorde no Dia Nacional do Turismo

Segundo a Secretaria de Turismo, Alagoas teve a melhor alta temporada dos últimos anos; só em janeiro, mais de 160 mil passageiros desembarcaram em Maceió

  
  

Praias paradisíacas, águas cristalinas, calor, folclore, cultura, gastronomia, entre outras qualidades. Tudo isso faz de Alagoas um paraíso, e da atividade turística no estado, um setor em expansão. Tanto que empresários e empreendedores contabilizam, satisfeitos, a melhor alta temporada dos últimos anos. Motivo de sobra para que neste dia 2 de março, Dia Nacional do Turismo, sejam comemorados os avanços no setor.

De acordo com a Secretaria de Estado de Turismo (Setur), em janeiro de 2010, mais de 160 mil pessoas desembarcaram em Maceió de vôos nacionais. Um crescimento de 40,17%, se comparado com o mesmo período de 2009. No fluxo internacional, após vários meses de queda, o crescimento foi de 59%.

Para empresários e economistas, parte desse desenvolvimento pode ser atribuído à atuação dos Arranjos Produtivos Locais (APL) de Turismo Lagoas e Mares do Sul, Costa dos Corais e Caminhos do São Francisco. Criados a partir de 2004, frutos da parceria entre governo do estado, o Sebrae/AL e outras instituições, os APL têm fortalecido a atividade turística no Estado por meio de ações estruturantes.

De acordo com Vanessa Rocha, gerente da Unidade de Turismo, Artesanato e Cultura do Sebrae/AL, de 2004 até o final de 2009 foram investidos nos três APL de Turismo mais de R$7 milhões. Só o Sebrae/AL, no ano passado, investiu mais de R$1 milhão em ações e projetos de desenvolvimento da atividade turística.

“Os investimentos são voltados para áreas estratégicas, como promoção e marketing, capacitação, tecnologia, gestão e infraestrutura. A idéia é fortalecer a atividade, gerar empregos e melhorar a qualidade de vida da população. O crescimento de toda a cadeia do turismo, que envolve segmentos como hotelaria, gastronomia, cultura, artesanato, entre outros, contribui para o desenvolvimento econômico de Alagoas”, disse Vanessa.

As ações dos APL estão focadas no desenvolvimento da atividade turística de forma sustentável, permitindo a melhoria da qualidade dos serviços turísticos e da divulgação e fortalecimento de novos produtos para o setor.

As melhorias na qualificação dos serviços e os investimentos em infraestrutura, aos poucos, têm contribuído para o surgimento de novos empreendimentos. Entre 2008 e 2009, 10 hotéis foram inaugurados e ampliados em Alagoas, o que permitiu o aumento no número de leitos oferecidos nas regiões sul e norte do estado, além da capital.

“Estamos realizando e participando de importantes eventos nacionais e internacionais para consolidar Alagoas no cenário turístico e temos tido grandes resultados. A taxa de ocupação hoteleira e o fluxo de turistas no aeroporto Zumbi dos Palmares vem aumentando a cada ano, com média de 90% nos hotéis e crescimento de 15% no desembarque de passageiros em vôos nacionais e internacionais”, explicou Virgínio Loureiro, secretário de Estado de Turismo.

De acordo com Guilherme Paulus, presidente da Operadora de Turismo CVC, entre dezembro de 2009 e janeiro de 2010, Maceió foi o terceiro destino mais vendido pela CVC Operadora de Turismo, ficando atrás apenas de Porto Seguro e Fortaleza (CE), que tiveram empate no primeiro lugar, e Natal (RN).

Segundo ele, em 2008, foram vendidos 109 mil pacotes e no ano passado, o número de vendas subiu para 140 mil, um crescimento de 14,2%. “A expectativa é que em 2010 alcancemos a marca de 160 mil pacotes vendidos para Alagoas”, destacou Guilherme.

Resultados

A articulação dos APL Turismo Costa dos Corais, Lagoas e Mares do Sul e Caminhos do São Francisco tem trazido grandes benefícios para estas regiões. Entre as ações realizadas pelas instituições integrantes dos arranjos estão consultorias, divulgação dos roteiros turísticos e participação em feiras e eventos como o Salão de Turismo (SP), a Feira das Américas (Abav/RJ), a Brasil National Tourism Mart – BNTM (CE) e o Congresso Brasileiro de Guias e Turismo (AL).

Serviço:
Sebrae/AL – (82) 4009-1660

Fonte: Agência Sebrae de Notícias

  
  

Publicado por em