Bahia volta a ser destaque no jornal britânico The Guardian

Com o título Salvador, a verdadeira capital festeira do Brasil, o jornal britânico The Guardian, voltou a destacar a cidade baiana

  
  

Com o título Salvador, a verdadeira capital festeira do Brasil, o jornal britânico The Guardian, voltou a destacar a cidade baiana. Em reportagem publicada no último sábado (19), o jornalista Gavin McOwan ressaltou aspectos como a cultura e a energia da Bahia e disse que não é por acaso que o Estado é o destino turístico preferido dos brasileiros, numa referência à pesquisa feita pelo Ministério do Turismo em parceria com o Instituto Vox Populi.

O principal ponto citado por McOwan foi o carnaval de Salvador, que ele classificou como a maior festa do mundo. O evento é responsável pela atração de 500 mil visitantes durante o mês de fevereiro. Além do carnaval, a Festa de Iemanjá no dia 2 de fevereiro, no bairro do Rio Vermelho, também foi evidenciada pelo jornalista que relatou com riqueza de detalhes alguns ritos do candomblé.

Ele também pontuou a herança africana na música e religiosidade e ressalta Salvador como uma terra de muitas belezas naturais. Segundo o jornalista, a criação do departamento de Turismo Étnico da Bahiatursa é um avanço significativo, “uma vez que o assunto foi praticamente ignorado por muitos anos”.

O samba e a culinária, sobretudo de regiões próximas à cidade como o Recôncavo também foram mencionado. Para mostrar que tem intimidade com o azeite de dendê, ele recomendou o restaurante Tia Maria, na Pedra Furada, na Península de Itapagipe.

McOwan demonstrou conhecimento no que refere aos agitos em Salvador e ressaltou a magia do ritmo dos tambores e atabaques do Ilê Aiyê e Timbalada retratados nos ensaios na Senzala do Barro Preto, no Curuzu e Museu do Ritmo, no Comércio. O músico baiano Peu Meurray também foi lembrado na reportagem.

Uma visita ao solar do Unhão para conferir o espetáculo de Jazz batizado Jam no MAM e uma passada no Boteco São Jorge, no Rio Vermelho também não ficaram de fora das dicas do britânico.

Fonte: Governo da Bahia

  
  

Publicado por em