Brasileiro viaja para região diferente da que mora, diz estudo

De acordo com o estudo, 76,6% dos viajantes brasileiros pretendem conhecer outra região.

  
  

A maioria dos brasileiros que está de malas prontas deve escolher um destino em uma região diferente da que mora. Esta é uma das conclusões do boletim mensal do Ministério do Turismo, que mede a intenção de viagem do brasileiro pelos próximos seis meses.

De acordo com o estudo, 76,6% dos viajantes brasileiros pretendem conhecer outra região. O índice é 6,7 pontos percentuais maior do que o registrado no mesmo período do ano passado.

O levantamento mostra ainda que o Nordeste continua sendo a região mais procurada pelos turistas (42,7%). O Sudeste, no entanto, registrou o maior aumento, passando de 19,9% em maio de 2014, para 27,9%, em maio deste ano.

“Nosso país está repleto de atrações com potencial para agradar até os turistas mais exigentes. Nosso patrimônio inclui muita cultura, história e natureza, além de uma hospitalidade que pode ser notada de norte a sul do país”, disse o ministro do Turismo, Henrique Alves.

Também merece destaque o aumento da intenção de viagem para destinos nacionais (74,1%): a maior para o mês de maio desde 2010, de acordo com o boletim. Em comparação com maio do ano passado, o crescimento foi de 2,3%.

O índice de jovens de até 35 anos que declarou intenção de viajar nos próximos seis meses para destinos brasileiros também cresceu: foi de 74,9%, o maior registrado para o mês de maio dos últimos cinco anos. Este é o segundo ano consecutivo em que o índice cresce. Em comparação com maio do ano passado, houve um crescimento de 20,8%.

O mesmo aconteceu entre os mais velhos. Mais da metade dos idosos que declarou intenção de viagem (57,5%) demonstrou preferência por destinos brasileiros. Em comparação com o mesmo período do ano anterior, o índice de intenção de viagem teve um aumento de 7,2%.

A Sondagem do Consumidor:

Intenção de Viagem é realizada todos os meses com duas mil pessoas em Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. As sete capitais brasileiras monitoradas representam 70% do fluxo turístico do Brasil.

Visite: www.revistaecotour.tur.br

Fonte: MTur / Gustavo Braga e Pedro Fideles

  
  

Publicado por em