Conheça 6 pontos turístico da cidade natal de Aécio Neves e Dilma Rousseff

Rivais na política, Aécio Neves e Dilma Rousseff nasceram e foram criados na mesma cidade. Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, será a terra natal do próximo Presidente da República independente dele ser PT ou PSDB

  
  
Ao contrário do que o nome indica, Belo Horizonte não possui apenas um horizonte encantador, a cidade também é famosa por seus monumentos, museus, além da já tradicional Lagoa da Pampulha

Há poucas horas da eleição que definirá a próxima pessoa que governará o Brasil, os dois candidatos afirmam estar em lados opostos da política, porém ambos são bem semelhantes em um grande detalhe. Tanto Dilma Rousseff (PT) quanto Aécio Neves (PSDB) nasceram em Belo Horizonte, capital mineira. Com 13 anos a mais de vida, a atual presidente nasceu em 1947 e o candidato do PSDB em 1960. A cidade do pão de queijo, do 'uai' e claro, do futuro presidente da República do Brasil é o lugar perfeito para quem quer mesclar uma boa culinária com muita cultura e belas paisagens.

Ao contrário do que o nome indica, Belo Horizonte não possui apenas um horizonte encantador, a cidade também é famosa por seus monumentos, museus, além da já tradicional Lagoa da Pampulha. O novo estádio do Mineirão e a Serra do Curral encerram o tour com chave de ouro pela capital mineira.

Com uma população de 2,4 milhões habitantes, Belo Horizonte está localizada na região central de Minas Gerais. A cidade que já recebeu o título da ONU de metrópole com "Melhor Qualidade de Vida da América Latina” na década de 1990, se transformou em referência nacional no assunto. Atualmente, o município voltou a ser destaque na imprensa brasileira com a disputa pela presidência entre Dilma Rousseff e Aécio Neves, dois belo-horizontinos que declaram seu amor pela cidade.

Parque Ecológico da Pampulha

A Capela de São Francisco de Assis é um dos destaques do Parque Ecológico da Pampulha

Com 27 hectares, o Parque é a grande dica de lazer em Belo Horizonte. Suas alamedas floridas com mais de 100 espécies de plantas transformam a Pampulha no local perfeito para uma boa caminhada ou um passeio de bicicleta. Ao entardecer, a sugestão é estender uma toalha quadriculada às margens da Lagoa e fazer um romântico piquenique apreciando um pôr do sol encantador.

Localizados nas proximidades do parque estão o Conjunto Arquitetônico da Pampulha, além de um Museu, Zoológico, Jardim Botânico e a própria Lagoa. A região é o grande destaque de Belo Horizonte por concentrar num só lugar diversos atrativos turísticos da capital mineira.

Lagoa da Pampulha

O lago artificial foi construído na década de 40

A Lagoa é considerada o principal cartão postal da cidade e não é para menos. Projetada por Oscar Niemeyer, a represa possui um perímetro de 18 km² e foi construída durante a gestão do então prefeito Juscelino Kubitschek. O enorme lago artificial que possui 10 milhões de litros d'água está localizado dentro do Parque Ecológico da Pampulha e é a dica ideal para quem gosta de uma boa caminhada.

Conjunto Arquitetônico da Pampulha

O Conjunto Arquitetônico da Pampulha é formado por quatro prédios

Também projetado por Oscar Niemeyer, o Conjunto foi construído para urbanizar a região da Pampulha na década de 40. O complexo é formado por quatro prédios, entre eles a Casa de Baile, o antigo Cassino, o Iate Clube e a famosa Capela de São Francisco de Assis. Outra dica é conhecer as pinturas de afrescos e azulejos de Cândido Portinari, além de obras de artes de artistas renomados como Zomoiski, Ceschiatti e José Pedrosa que estão expostas no local.

Circuito Cultural da Praça da Liberdade

O Circuito Cultural da Praça da Liberdade deu um charme ainda maior a região

Quando foi criada em 2010 com a intenção de reunir espaços voltados para a cultura na Praça da Liberdade, a principal de Belo Horizonte, a iniciativa foi aclamada pela população. Desde então surgiram na região diversos locais como o "Museu das Minas e do Metal", o "Espaço do Conhecimento UFMG" e o "Memorial de Minas Gerais Vale".

Entre os Espaços destaca-se o da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) que está localizado no antigo prédio da reitoria da instituição. Dentro do imóvel de cinco andares funciona uma área especial com interação multimídia sobre a "Criação do Universo", além de um observatório astronômico e um planetário.

Estádio do Mineirão

O estádio foi reinaugurado em 2012 com a presença do senador Aécio Neves e da presidente Dilma Rousseff

Construído em 1965 e totalmente reformado para a Copa de 2014, o Estádio do Mineirão ficará marcado para sempre na história do futebol por ter sido o palco do show que a Alemanha deu no Brasil. Esquecendo o 7x1 (se é possível!), o estádio é uma boa dica de lazer para quem pretende conhecer a cidade. Com um custo de R$ 695 milhões e capacidade para 64,5 mil pessoas, o Mineirão é aberto ao público para visitação nos dias em que não ocorrem partidas de futebol.

Parque da Serra do Curral

Do alto da Serra do Curral é possível apreciar o belo horizonte da capital mineira

A vista da Serra do Curral foi a responsável pelo apelido de 'belo horizonte' que anos depois daria nome a cidade. Com uma área de 400 mil m² foi na região do Parque que surgiram as primeiras casas que deram origem a capital mineira. Com tamanha importância na história do município, a Serra do Curral foi eleita em 1995 num plebiscito como símbolo oficial de Belo Horizonte.

Com 10 mirantes espalhados pelo Parque, a região possui uma vista ímpar da cidade e é uma boa opção para caminhadas ou montain bike. Porém, como a Serra do Curral está localizada numa altitude que varia entre 1,1 mil e 1,35 mil metros, a sugestão é estar preparado para o belo e desgastante percurso.
.
Por Dennys Marcel

  
  

Publicado por em