Conheça os roteiros que foram lançados no 4º Salão Nacional do Turismo

O Salão Nacional do Turismo lançou 27 novos roteiros.

  
  

1. Acre

Roteiro: Caminhos Chico Mendes

Essa rota permitirá ao turista conhecer e vivenciar o dia-a-dia de um seringal tradicional da primeira metade do século XX. Ele poderá vivenciar ainda o modo de vida dos seringueiros e extrativistas e mergulhar na história de Chico Mendes, que liderou a luta dos povos da floresta e ficou conhecido mundialmente pela defesa da Amazônia. Por isso, Xapuri se transformou em cidade símbolo do movimento ambientalista mundial. Compõem esse roteiro os municípios de Xapuri e Rio Branco.

2. Alagoas

Roteiro: Caminho do Sol e Charme na Costa dos Corais

Nada melhor que curtir praia com temperatura amena, água cristalina e piscinas naturais. Atrativos que fazem parte desse roteiro que engloba recantos alagoanos com cenários paradisíacos, onde o turista pode curtir ainda a gastronomia regional. Um espetáculo a parte é a Costa dos Corais, que guarda a segunda maior barreira de corais do mundo. Outra atração é o artesanato feito a partir da casca e fibra de coco, da bananeira, da palha do coqueiro e madeira de jaqueira. Compõem esse roteiro os municípios de Maceió, Paripueira, Ipioca, São Miguel dos Milagres, Porto de Pedras, Japaratinga e Maragogi.

3. Amazonas

Roteiro: Boi Bumbá e Festivais

O Amazonas integra o imaginário global, em função dos mitos, ritos e lendas advindos da cultura indígena. Sua capital – Manaus – apresenta referências arquitetônicas remanescentes do final do século XIX e do ciclo da borracha. É também o portal de entrada para o maior Festival Folclórico do Brasil. A cidade de Parintins, localizada na Ilha Tupinambarana, é o lugar onde a criatividade do caboclo faz surgir, no meio da floresta amazônica, uma festa de encantos e magias, com as apresentações dos bois Garantido e Caprichoso, rivais de uma rica e colorida disputa sob as cores azul e vermelho. Outro festival que também encanta o turista é o do Guaraná, na cidade de Maués, onde é possível conhecer o fruto famoso por seu sabor e suas lendas indígenas. Compõem esse roteiro os municípios de Manaus, Parintins, Maués, Borba e Manacapuru.

4. Amapá

Roteiro: Amazônia no Meio do Mundo

Essa rota constitui-se como um santuário do ecoturismo amazônico, singular por ter a presença nos dois hemisférios o norte e o sul, cortado pela linha imaginária do Equador, permitindo a capital do Amapá – Macapá - estar localizada no meio do mundo. O folclore amapaense apresenta uma variedade de ritmos, sons, musicalidade e danças, com predomínio das origens afro-descendentes, com destaque para o batuque e o marabaixo; a gastronomia amazônica é à base de peixe e camarão; a religiosidade da fé católica é um forte apelo turístico, representado em eventos como a Festa de São Tiago e o Divino Espírito Santo em Mazagão Velho, a Festa de São José – Padroeiro do estado e a louvação à Nossa Senhora da Piedade no Distrito do Igarapé do Lago. Compõem esse roteiro os municípios de Macapá, Santana, Porto Grande, Ferreira Gomes, Mazagão e Serra do Navio.

5. Bahia

Roteiro: Rota das Aldeias

Essa rota é realizada na Costa do Descobrimento, um lugar especial que guarda parte da história do Brasil e um mosaico de belezas naturais. O turista será recebido por índios Pataxó, que sob a luz do sol e da lua, mostrarão a sua cultura e seus saberes tradicionais através de palestras interativas, caminhadas interpretativas (leve), escutas com os mais velhos, demonstração de armadilhas, esporte, culinária, banho de rio, além da participação na confecção de artesanato e no Awê, ritual de confraternização e agradecimento à mãe natureza, numa vivência e intercâmbio cultural inesquecível. Compõem esse roteiro os municípios de Porto Seguro e Santa Cruz Cabrália.

6. Ceará

Roteiro: Rota das Falésias, Cenário de Cores

Constitui-se roteiro integrado dos municípios do litoral leste do Ceará, no pólo turístico de Canoa Quebrada. Percurso repleto, não somente de belas praias de dunas brancas e deslumbrantes falésias de areias coloridas, mas também de história, rios, lagoas, muita aventura, artesanato, parque aquático, O turista poderá ainda fazer visita a uma propriedade rural centenária, que deu origem ao município de Beberibe, e conhecer a fabricação de queijos e doces, além de alambique, engenho de cana de açúcar e casa de farinha ainda em produção. Um dos passeios de buggy que faz parte dessa rota foi indicado como o mais belo do Brasil. Compõem esse roteiro os municípios de Aquiraz, Cascavel, Beberibe, Aracati e Icapuí.

7. Distrito Federal

Roteiro: Brasília Patrimônio Cultural da Humanidade

Brasília é a primeira cidade moderna reconhecida pela Unesco como Patrimônio Cultural da Humanidade. Nascida do traçado urbanístico de Lúcio Costa e da arquitetura de Oscar Niemeyer, Brasília é o projeto modernista mais importante do século XX. Um andar pelas largas avenida da capital federal nos permite contemplar preciosidades, como o paisagismo de Burle Marx, a arte-arquitetura de Athos Bulcão, os vitrais de Marianne Peretti e as esculturas de Alfredo Ceschiatti e Bruno Giorgi.
A cidade representa também a diversidade cultural da população brasileira. Essa riqueza cultural se expressa nas diferentes tradições, sotaques, festas, artes e na variada gastronomia da cidade. Compõem esse roteiro as regiões administrativas de Brasília e Lago Sul.

8. Espírito Santo

Roteiro: Rota do Mar e das Montanhas – Natureza e Agroturismo com Cenários Inesquecíveis

Aproveitar o clima quente das praias e o frio das montanhas são opções que o turista pode curtir quase simultaneamente nessa nova rota, rica em cultura e gastronomia. Nesse passeio, a visita ao menor teatro do mundo com encenação da morte e ressurreição de Cristo é um dos encantos da capital, onde não se pode deixar de degustar a torta e a moqueca capixaba, feitas nas tradicionais panelas de barro. O trajeto inclui Domingos Martins – cidade das orquídeas – na qual a herança deixada pelos imigrantes alemães é marcante na arquitetura e na culinária. Compõem esse roteiro os municípios de Vitória, Vila Velha, Domingos Martins e Venda Nova do Imigrante.

9. Goiás

Roteiro: Brasília & Chapada dos Veadeiros

Uma aventura no coração do Brasil, em um roteiro que contempla cultura, história, cachoeiras e grutas. A aventura começa em Brasília, cosmopolita, com seus atrativos arquitetônicos e culturais que a tornaram a única cidade do século XX considerada pela Unesco como Patrimônio Cultural da Humanidade e termina em um dos maiores Patrimônio Natural da Humanidade - a Chapada dos Veadeiros, a 220 km. Paisagens belíssimas, cachoeiras incríveis e passeios inesquecíveis no ponto mais alto do Brasil central. Compõem esse roteiro Brasília e Lago Sul, no Distrito Federal. A cidade de Alto Paraíso e distrito de Alto Paraíso - Vila de São Jorge, na Chapada dos Veadeiros, em Goiás.

10. Maranhão

Roteiro: Lençóis Maranhenses

Essa região é conhecida como deserto brasileiro e reúne dunas, rios, mar, manguezais, além de lagoas de águas cristalinas que se formam no período chuvoso (entre março e julho). A porta de entrada para esse paraíso é Barreirinhas, a cerca de três horas de São Luís. Aqui, o visitante pode adquirir peças artesanais da palha do buriti, uma das matérias-primas mais tradicionais do Maranhão. A partir dali, é cair no mundo. A opção básica é descer o rio Preguiças até onde este desemboca no mar. O passeio pode ser em lancha ou ―voadeiras‖, facilmente contratadas no local. No percurso, paradas obrigatórias para apreciar as dunas, banhar e visitar comunidades como Mandacaru, cuja grande atração é um farol de onde se tem um belíssimo visual da região. Compõem esse roteiro os municípios de Barreirinhas, Santo Amaro do Maranhão, Paulino Neves e Tutóia.

11. Minas Gerais

Roteiro: Caminhos Reais

Diversa na cultura, na história, na natureza, nos negócios e na gastronomia – assim é Minas Gerais. Esse roteiro propõe a oportunidade ao turista para vivenciar a pluralidade das Gerais: a modernidade e a intensa produção cultural da capital mineira - Belo Horizonte; o Centro de Arte Contemporânea Inhotim, área de 40 ha de jardins, com extensa coleção botânica de espécies tropicais raras e um acervo artístico de relevância internacional; as cidades históricas, representantes do período colonial brasileiro, que em suas ladeiras, igrejas, museus e casarios guardam a riqueza do ciclo do Ouro. Isso sem esquecer de degustar pratos da culinária mineira, com seus quitutes e quitandas imperdíveis.
Para os mais aventureiros, o turismo de aventura, nas grutas, cachoeiras, rios e montanhas. O turista será convidado a, literalmente, colocar a mão na massa, vivenciado os fazeres e saberes, através de visitas às igrejas barrocas, aos ateliês dos artistas e da convivência com a gente simples e hospitaleira de Minas Gerais. Compõem esse roteiro as cidades de Belo Horizonte, Ouro Preto, Mariana, São João del-Rei, Tiradentes, Diamantina e Sete Lagoas.

12. Mato Grosso do Sul

Roteiro: Rota Pantanal Bonito

Dois dos mais espetaculares paraísos ecológicos do planeta, separados apenas por 130 km, oferecem programas especiais de visitação, partindo da bicentenária Miranda; de Corumbá, berço da cultura sul-mato-grossense e, também, de Bonito, paraíso das águas cristalinas e da aventura. Nesse cenário, o turista tem a sua escolha a prática de inúmeras atividades esportivas ligadas à natureza, como flutuação em nascentes cristalinas, rapel, rafting, tirolesa, mergulhos e caminhadas. Além, claro, de um safári fotográfico pelo Pantanal Selvagem. Compõem esse roteiro os municípios de Aquidauana, Corumbá, Miranda, Bonito e Jardim.

13. Mato Grosso

Roteiro: Pantanal à Amazônia

Essa rota envolve o único estado onde é possível experimentar quatro regiões e três ecossistemas em uma única viagem. O Pantanal é a maior planície inundável do planeta. Patrimônio natural da humanidade, que encanta os sentidos na observação da paisagem, com suas inúmeras aves e animais. No cerrado, encontram-se as nascentes dos rios formadores das bacias do Prata Amazônica, com inúmeras cachoeiras, canyons, chapadas e a flora característica de bromélias e orquídeas. A Amazônia de terra firme mato-grossense caracteriza-se por sua renomada biodiversidade, na qual se concentra um terço de todas as aves brasileiras. No Araguaia, encontram-se as mais belas praias de água doce e, ainda, lendas e mistérios da serra do roncador. Compõem esse roteiro os municípios de Cuiabá, Várzea Grande, São José do Rio Claro, Diamantino, Cáceres, Nobres, Chapada dos Guimarães, Poconé, Campo Verde, Jaciara, Juscimeira, Dom Aquino, Rondonópolis, Barra do Garças, Alta Floresta, Paranaíta e Novo Mundo.

14. Pará

Roteiro: Belém de Encantos

Um passeio fluvial pela orla dá início ao roteiro na capital paraense. O ponto de partida é Estação das Docas, onde a modernidade e a cultura ribeirinha guardam um pouco da história, do exótico e do pitoresco da região. O trajeto pela cidade inclui os principais atrativos turísticos de Belém, como a Basílica de N. Sra. de Nazaré, o Museu Emílio Goeldi, o Teatro da Paz, a Praça da República, o Mercado Ver-O-Peso, o Museu de Arte Sacra, o Forte do Presépio, o parque ambiental do Mangal das Garças e o Pólo Joalheiro, contemplando a visão cultural e ambiental que a cidade tem a transmitir. Nesse roteiro, inclui ainda conhecer Santarém e fazer a piracaia, hábito dos nativos da região de assar o peixe na brasa. Compõem esse roteiro os municípios de Belém, Santarém e Alter do Chão.

15. Paraíba

Roteiro: Civilização do Açúcar – Caminhos dos Engenhos

Essa rota é uma viagem de sabores e belas paisagens, com foco na preservação ambiental, na história, na cultura regional e da cana-de-açúcar, na produção da rapadura e da cachaça, principais responsáveis, nessa região, pela chamada Civilização do Açúcar. Entre os principais atrativos, as reservas ecológicas, cachoeiras, visitação aos engenhos produtivos de cachaça e rapadura, a arquitetura dos engenhos e sua história, a arquitetura do século XIX, além do Patrimônio Histórico Nacional: o município de Areia. Compõem esse roteiro os municípios de Bananeiras, Areia, Alagoa Grande e Campina Grande.

16. Pernambuco

Roteiro: História e Mar

Capítulos importantes da história regional e nacional e muita diversão fazem parte desse roteiro. Redescubra um rico patrimônio cultural, tesouros arquitetônicos, praias urbanas, ilhas e santuários ecológicos. Visitação a igrejas, museus, espaços culturais, além de praias, trilhas e mergulho na Ilha de Fernando de Noronha estão à espera do turista interessado em curtir a natureza, mas também aprender um pouco da cultura e hábitos da região. Compõem esse roteiro os municípios Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Cabo de Santo Agostinho, Ipojuca e Fernando de Noronha.

17. Piauí

Roteiro: Serra da Capivara, Terra de Aventura e Pré-história

Percorrer esse roteiro é deixar envolver-se por um ambiente de magia, onde o homem pré-histórico habitava há 60 mil anos. O turista vai visitar cerca de 30 sítios arqueológicos, fazer caminhadas por vales, chapadas e boqueirões, como o da Pedra Furada, considerado o mais antigo sítio arqueológico das Américas. Isso tudo em contato direto com espécies endêmicas da caatinga-bioma exclusivamente brasileiro, onde a fauna e a flora apresentam a maior biodiversidade do semi-árido nordestino. Durante esse percurso, é possível visualizar milhares de conjuntos de pinturas pré-históricas feitas por povos caçadores-coletores há cerca de 12.000 anos. Para quem gosta do turismo de aventura, atividades não faltam como rapel, montanhismo, tirolesa, travessias, cicloturismo e espeleologia. Compõem esse roteiro os municípios de Teresina, Amarante, Oeiras, São Raimundo Nonato e Coronel José Dias.

18. Paraná

Roteiro: Paraná, um cenário de atrações do Atlântico ao Iguaçu

Um programa que une a visitação à cidade de Curitiba - referência mundial pela qualidade de vida que proporciona aos seus habitantes e pelas soluções urbanas inovadoras - com a descoberta de alguns recantos naturais do litoral e da Mata Atlântica, ricos em fauna e flora e com belas paisagens. Dentre os locais a serem visitados, estão a Serra do Mar, a Ilha do Mel, Superagui e Guaraqueçaba, sendo os dois últimos, áreas que constituem o Lagamar, complexo natural caracterizado como Patrimônio Natural da Humanidade, segundo a Unesco. Compõem esse roteiro os municípios de Curitiba, Morretes, Ilha do Mel, Ponta Grossa, Foz do Iguaçu.

19. Rio de Janeiro

Roteiro: Floresta e Mar

Rota que abrange três regiões, reunindo a beleza do litoral e das matas com diversificado e rico patrimônio histórico e cultural. A região da Costa Verde, no litoral sul, tem um dos mais deslumbrantes cenários marinhos do Estado. Na Baía de Angra, destaque para a Ilha Grande, um pequeno paraíso aquático, ideal para os esportes náuticos, pesca submarina e passeios de barco. Situada no Médio Vale do Rio Paraíba, a região das Agulhas Negras combina vegetação exuberante, cachoeiras e recantos paradisíacos com um imponente conjunto de formações rochosas. Entre elas, sobressai o acidente geográfico que dá nome à região – o Pico das Agulhas Negras, com 2.787 metros de altitude, ponto culminante do Estado, e as Prateleiras. Localizado no coração do Parque Nacional de Itatiaia, esse conjunto de montanhas integra um circuito muito procurado por montanhistas e adeptos do turismo ecológico. Pela riqueza de sua flora e fauna, a região é considerada um dos mais preciosos santuários ecológicos do país. A nobreza das fazendas e casarões coloniais, no vale do ciclo do café, completam o cenário emoldurado pela exuberância da Floresta Atlântica. Compõem esse roteiro os municípios de Parati, Angra dos Reis, Itatiaia, Resende, Barra do Piraí, Valença, Vassouras e Rio das Flores.

20. Rio Grande do Norte

Roteiro: Descoberta do Rio Grande

Um passeio inesquecível por cidades e praias semi-selvagens, lagoas de águas cristalinas, um deserto à beira-mar, dunas, salinas e painéis de pintura rupestre. O roteiro vai de Pipa, em Tibau do Sul, até as praias do Pólo Costa Branca pelo litoral. Começando pelo o sertão, o visitante entra em contato com vestígios do homem primitivo. Por todo o percurso, o turista tem a oportunidade de se deliciar com frutas tropicais, provar novos temperos e o sabor dos melhores frutos do mar, que dão fama à região. Compõem o roteiro Tibau do Sul (Pipa), Natal, Galinhos, Areia Branca, Maxaranguape (Maracajaú), Mossoró e Apodi (Lajedo Soledade).

21. Rondônia

Roteiro: Aventura e Charme na Pérola do Mamoré

Roteiro de aventura para conhecer os atrativos da Pérola do Mamoré, localizado entre as cidades de Guajará-Mirim e Nova Mamoré, na divisa com a Bolívia (Guayaramerin). Uma oportunidade para o turista relaxar com a visão do encontro dos rios Pacaás Novos e Mamoré. A viagem comporta várias opções de contato com a natureza: passeio pelo rio Mamoré, visita a cachoeiras, comunidades ribeirinhas e tribos indígenas, o Parque Nacional Serra do Pacaás, a Vila Murtinho e Vila do Iata. Há, ainda, o passeio pelas trilhas do Parque Natural Municipal dos Parecis, ao Museu da EFMM, ao pátio ferroviário, à catedral do seringueiro e ao Mercado Municipal. Em Guajará-Mirim, os bois-bumbás Flor do Campo e Malhadinho são as estrelas do Festival Folclórico Pérola do Mamoré. Compõem o roteiro os municípios de Guajará – Mirim e Nova Mamoré.

22. Roraima

Roteiro: Monte Roraima

Com formações rochosas grandiosas, idade estimada em mais de 2 bilhões de anos, flora e fauna endêmicas, o Monte Roraima tem atraído a atenção de turistas, aventureiros, cientistas, biólogos, antropólogos e esotéricos. Considerado por muitos um lugar mágico com uma natureza exuberante, o roteiro é apontado como ideal para aqueles que buscam o reencontro consigo mesmo. A história da descoberta, ocupação e colonização da Savana Amazônica, no extremo norte do Brasil, está ligada a estratégia e interesse da coroa portuguesa em expandir seu território na América. Compõem o roteiro os municípios de Boa Vista e Pacaraima.

23. Rio Grande do Sul

Roteiro: Caminhos Temperados – Charme e Cultura do Sul

Um Brasil surpreendente, de tradições fortalecidas, belezas naturais diversificadas que deslumbram os mais viajados olhares, uma cultura multiétnica e cativante com hospitalidade marcante. É o Rio Grande do Sul, e a capital, Porto Alegre reconhecida como a Capital Mundial dos Gaúchos. Pólo de serviços qualificados, Porto Alegre é referência na hotelaria e na gastronomia, na diversidade cultural e arquitetura. Bem próximo, na européia Serra Gaúcha, Gramado e Bento Gonçalves se sobressaem nos detalhes da gastronomia - de sabores alemães e italianos - que pode ser apreciada na companhia de vinhos e espumantes produzidos na região. A alegria do folclore e a exuberante paisagem de vales e montanhas representam atrativos à parte. Compõem o roteiro os municípios de Porto Alegre, Viamão, Gramado, Canela, Cambará do Sul, Nova Petrópolis, Caxias do Sul, Garibaldi e Bento Gonçalves.

24. Santa Catarina

Roteiro: Santa Catarina, Serra e Mar

O turista vai se encantar com as belezas da Santa e Bela Catarina. O roteiro começa em Florianópolis, capital do estado, e Ilha da Magia onde é possível vivenciar um pouco da cultura açoriana. A beleza das praias e a Lagoa da Conceição integram a programação. Este passeio também levará o turista a conhecer mais de perto os encantos da Serra Catarinense, um lugar único repleto de atrativos naturais, montanhas, canyons e cachoeiras. No inverno, o viajante poderá presenciar a neve e, no verão, curtir as cachoeiras. As visitas às vinícolas da região, a sapecada de pinhão ou o chimarrão degustado numa roda típica tornam o passeio único. O visitante pode ainda tomar um camargo e passear pelo o histórico caminho das tropas. Compõem o roteiro os municípios de Florianópolis, Urubici, Bom Jardim da Serra, São Joaquim e Lages.

25. Sergipe

Roteiro: Aracaju – Xingó

Belas praias, manguezais, lagoas, rios, serras, cavernas e cânions. Toda essa variedade de recursos naturais se encontra entre Aracaju e Xingó – Rio São Francisco. Uma rota perfeita para praticar esportes radicais e de aventura, onde é possível caminhar por trilhas ecológicas entre a caatinga e as margens do Rio São Francisco, entrar em contato com aves de rapina, passear de escuna na hidrelétrica de Xingó e curtir o quinto maior cânion navegável do mundo. Outro destaque é visitar a Grota do Angico, local onde morreu Lampião, o maior mito do cangaço nordestino. Compõem esse roteiro os municípios de Aracaju, Areia Branca, Canindé de São Francisco, Itabaiana, Laranjeiras, Monte Alegre de Sergipe, Nossa Senhora Aparecida, Nossa Senhora da Glória, Poço Redondo e São Cristóvão.

26. São Paulo

Roteiro: Circuito das Frutas

Um roteiro original, com destaque para a natureza e simplicidade. Uma viagem pela gastronomia com sabor rural. Uma oportunidade para o turista deixar a correria de lado, ouvir o cantar dos pássaros, o passear das borboletas, apreciar o verde e sentir o cheiro de mato misturado a terra. Na programação, visitas às propriedades rurais de acordo com o período das frutas ou festas regionais, com direito a rodas de causos e prosas. A tradição preservada pelas famílias das mais variadas etnias representa outro atrativo. Compõem o roteiro os municípios de Atibaia, Indaiatuba, Itatiba, Itupeva, Jarinú, Jundiaí, Louveira, Morungaba, Valinhos e Vinhedo.

27. Tocantins

Roteiro: Encantos do Jalapão

A região do Jalapão é um lugar que nenhum amante da natureza pode deixar de conhecer. É um espaço que agrega dois importantes biomas brasileiros: a mistura de deserto com savana resulta numa paisagem que retrata a mudança do cerrado para a caatinga. O capim, que em todo lugar é pasto, aqui é ouro usado para produzir artesanato. Um lugar misterioso e surpreendente que encanta a todos que conhecem, com suas cachoeiras, dunas e fervedouros que vão deixar o turista sem entender como a natureza pode ser tão perfeita e fazê-los compreender o famoso ditado bíblico: ―Deus escreve certo por linhas tortas‖. Compõem esse roteiro os municípios de Palmas, Novo Acordo, São Félix, Ponte Alta do Tocantins e Mateiros.

Fonte: Salão Nacional do Turismo

  
  

Publicado por em

Simone SIMSOL TURISMO

Simone SIMSOL TURISMO

27/02/2010 11:33:33
Barreirinhas ainda é o local mais adequado para se hospedar e conhecer o Parque dos Lençóis, claro que alguns traços de cidadezinha do interior estão se perdendo em função do crescimento comercial local, mais já oferece estrutura razoável p/ o turista o que eu acho importante. A estrada que leva até lá está sendo reformada e é possível sair de São Luís e fazer o desembarque lá o que já não acontece com Santo Amaro. Quanto já tiver pavimentação de São Luís a Santo Amaro o turista que gosta de conforto terá 02 opções, já que hoje o acesso a Santo Amaro é parte por estrada de terra. Simone (SIMSOL TURISMO - Ma).

Silva Júnior

Silva Júnior

16/01/2010 21:29:14
O Cânion do rio São Francisco é, sem dúvida, uma das artes mais belas que a natureza esculpiu em nosso Brasilzão.

Gredson

Gredson

29/12/2009 11:35:46
Santo Amaro é sem duvida,a "cidade dos lençois maranhenses'. Onde predomina traços fortes da região e tem um povo acolhedor e hospitaleiro. Viajar aos lençois e ficar hospedado em Barreirinhas é como se não tivesse nos lençois

Fabiola

Fabiola

30/11/2009 23:10:53
Decepcionante o Salão do Turismo no Maranhão, Barreirinhas, que é tão conhecido não compareceu para representar o Parque Nacional dos Lençois, somente Santo Amaro que é proximo a Barreirinhas que participou todos os dias do Salão do Turismo no Maranhão, acho que deveriam divulgar mais Santo Amaro que tambem é belissimo, por gentileza façam isso e vamos acabar com essa historia de somente Barreirinhas,obrigado.

Roseli Terezinha Vieira

Roseli Terezinha Vieira

27/10/2009 12:25:32
No Congresso da ABAV foram lançados os 05 novos roteiros do Brasil. Região Sul o roteiro escolhido foi o do Aparados da Serra. Os 3 municipios do Rio Grande do Sul: São Francisco de Paulo, São José dos Ausentes e cambará do Sul e de Santa catarina: Praia Grande, Bom Jardim da Serra, São Joaquim e Urubici.
Se quiser saber mais da participação da Agência de turismo caminhos da Serra, entre em contato. acaminhosdaserra@yahoo.com.br.

Roseli Terezinha Vieira

Roseli Terezinha Vieira

15/08/2009 16:40:47
A Agencia de Turismo Caminhos da Serra, participou do 4 Salão do Turismo na Rodada de negócios representando a Serra Catarinense no roteiro Aparados da Serra. São 7 municipios envolvidos nesse roteiro, 3 do Rio Grande do sul e 4 de Santa Catarina. De Santa Catarina são: Praia Grande, São Joaquim, Bom Jardim da Serra e Urubici.

Roseli Terezinha Vieira

Roseli Terezinha Vieira

15/08/2009 16:32:43
Gostaria de comentar, que foi lançado no 4 Salão do Turismo o Roteiro dos Aparados da Serra. Esse roteiro integra Santa Catarina com Rio Grande do Sul, esse foi um dos 5 roteiros do Brasil, indicados pelo Ministerio do Turismo.

Jane cleide gomes

Jane cleide gomes

29/07/2009 11:15:21
Se o nosso Deus fez algo mais belo, com certeza os levou pra juntinho dele, pois as coisas mais belas ele fez questão de nos presentear.Vejam que Brasil lindo e rico de tantas belezas naturais para causar inveja a qualquer um. Parabéns para nós brasileiros!!!!!!