Dia Nacional do Cerrado, a grande savana brasileira

Em 11 de setembro comemora-se o Dia Nacional do Cerrado. Segundo maior bioma brasileiro, localizado entre o Planalto Central, e o norte do estado de São Paulo

  
  

O cerrado chama atenção pela sua diversidade - a estimativa é de que abrigue cerca 10 mil espécies vegetais, mais de 800 espécies de aves e 160 de mamíferos - 5% de toda a biodiversidade mundial. Importante reservatório hídrico, o bioma contém três das principais bacias hidrográficas sul-americanas - a do Tocantins-Araguaia, São Francisco e Prata.

Lar de pelo menos 20 milhões de brasileiros, o Cerrado tem sofrido as conseqüências da expansão do agronegócio. Atualmente, as estimativas são de que o bioma tenha uma área de aproximadamente 800 mil km² - quase a metade do que ocupava originalmente.

Estudos apontam que a área de Cerrado hoje no Estado de São Paulo é de apenas 0,84%, bem inferior aos 14% que já teve. A agricultura sem planejamento e o desmatamento para criar áreas de pastagens são alguns dos motivos que ameaçam esse bioma.

Vegetação, Fauna - Importância

Cerrado no Morro do São Francisco - cidade de Goiás

A vegetação rasteira, recortada por árvores esparsas, de casca grossa e tronco retorcido é a imagem mais retratada do lugar. Mas o bioma é muito mais do que isso. Segundo o Ministério do Meio Ambiente, o Cerrado ocupa cerca de 22% do território nacional, abriga as nascentes das três maiores bacias hidrográficas da América do Sul (Amazônica/Tocantins, São Francisco e Prata), e é reconhecido como a savana mais rica do mundo em termos de biodiversidade.

Porém, esse patrimônio está ameaçado pela agricultura e a pecuária, além da exploração de madeira para a produção de carvão. Estima-se que 20% das espécies nativas e endêmicas já não ocorram em áreas protegidas e que pelo menos 137 espécies de animais estão ameaçadas de extinção.

Frutos do Cerrado - Cajuzinho

Depois da Mata Atlântica, o Cerrado é o bioma brasileiro que mais sofreu alterações com a ocupação humana. No entanto, é o habitat que possui a menor porcentagem de áreas sobre proteção integral. É preciso ampliar as medidas de proteção ambiental para garantir sustentabilidade ao bioma e garantir a preservação da savana brasileira.
Ameaças

Canyon da Carioca, em Goiás, GO

Nesta época do ano, os focos de incêndio se alastram e ameaçam a biodiversidade, a infraestrutura e a saúde dos 20 milhões de habitantes da região, presente em 11 estados, com área que abrange quase 24% do território nacional.

O Cerrado brasileiro abrange regiões como Goiás (GO), Alto Paraíso de Goiás, Formosa, Tocantins, Pirenópolis, Caldas Novas e Parque de Terra Ronca.
Um exemplo bem típico dessa vegetação é o Parque Nacional das Emas, considerado patrimônio Natural da Humanidade pela UNESCO.

O bioma cerrado ainda ocorre em diversos estados do Brasil, como Centro-Oeste (Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás), mas ele está também em Tocantins, Minas Gerais, Bahia, Piauí e Maranhão. Existem ainda áreas de cerrado no Ceará, Pará, Amazonas, Rondônia, Roraima, Amapá e até em São Paulo.

Cidade de Goiás recebe “O Grito e a resistência no Cerrado”

Cidade de Goiás (Patrimônio da Humanidade – título concedido pela UNESCO em 14 de dezembro de 2001), distante 136 quilômetros de Goiânia (GO), receberá pela terceira vez o evento “O Grito e a resistência no Cerrado: saberes e fazeres dos povos deste chão – Agricultura Familiar”. O encontro acontece na Travessa da Catedral, no Centro, das 08 horas às 17h.

O evento terá várias atividades ao longo do dia, tais como: apresentações culturais, exposição fotográfica, presença de benzedeiras e fiandeiras, raizeiros, roda de violeiros, farmácia de plantas medicinais, teatro, reflexões e debates sobre a PEC 504/2010, distribuição de sementes e mudas, e oficinas de formação. Várias comunidades e grupos do estado, rurais e urbanos, já confirmaram presença no Grito e a resistência do Cerrado.

No Cerrado em Goiás, a Cachoeira das Andorinhas

Neste terceiro encontro “O Grito e a resistência no Cerrado: saberes e fazeres dos povos deste chão – Agricultura Familiar”, que acontece durante o Ano Internacional da Agricultura Familiar, busca-se contribuir com a discussão e reflexão sobre a importância destes sujeitos para o campo brasileiro e, especificamente, para o Cerrado. “Estes trabalhadores têm produzido os alimentos quem servem nossa mesa e, ao mesmo tempo, contribuído com a preservação da natureza”, destaca a organização do encontro.

  
  

Publicado por em

Jade

Jade

11/09/2014 17:37:31
Terra amada! lindas fotos!

Eduardo Andreassi

Eduardo Andreassi

Como vai Jade? Obrigado pelas palavras de elogios. Realmente a cidade de Goiás é linda e fiquei surpreso com a quantidade e qualidade de materias que trouxe. Aguarde novidades e compartilhe com seus amigos. Um abraço, Eduardo Andreassi Jornalismo/Fotografia/Comunicação [[http://www.andreassifotos.com.br http://www.eduardoandreassi.com uol:|]] [[http://eduardoandreassi.ecoviagem.com.br facebook:|]] https://www.facebook.com/eduandreassi