Diamantina e Serro são destinos de viagem de reconhecimento de receptivos mineiros

Ação da Setur e Associação das Cidades Históricas visa a diversificação dos roteiros

  
  
Banda Mirim de Diamantina é uma das atrações que podem ser vivenciadas na cidade histórica

Que tal acrescentar um toque diferente às visitas dos turistas nas cidades históricas de Minas? É para apresentar novas possibilidades visando a diversificação dos roteiros turísticos mineiros, que a Secretaria de Estado de Turismo (Setur-MG) e a Associação das Cidades Históricas de Minas Gerais promovem de hoje (21) até domingo (23) uma viagem de reconhecimento em Diamantina e no Serro para oito agências de receptivo do Estado.

Durante os três dias de viagem, os receptivos conhecerão parte do Cardápio de Roteiros desenvolvido pela Associação das Cidades Histórica de Minas Gerais para que, vivenciando detalhadamente os novos produtos, passem a agregá-los aos roteiros tradicionalmente comercializados. “Para vender bem um destino turístico, o agente de turismo precisa, em primeiro lugar, conhecer profundamente todos os produtos turísticos que este destino oferece. Com esta iniciativa, estamos fortalecendo as nossas ações de incentivo à comercialização do produto Minas Gerais”, explica a secretária de Estado de Turismo, Érica Drumond.

A viagem de reconhecimento a Diamantina e ao Serro conta com a participação de oito agências de receptivo integrantes do Projeto Minas Recebe: Arm Turismo, Andarilho da Luz, Primotour, Desvendar.com, Safari Viagens, Trilhas de Minas, Houston Turismo e Caminhos Reais. O Projeto Minas Recebe, desenvolvido pela Setur-MG, trabalha 65 receptivos para incentivá-las a criarem roteiros inovadores e se qualificarem para garantir atendimento de qualidade ao turista.

Viagem de reconhecimento

Os representantes das agências de receptivo saíram nesta sexta-feira (21), de Belo Horizonte, com destino a Diamantina, onde após o almoço, farão um passeio pela jóias de Diamantina. Também participam da Oficina “Bate papo com chorinho”, de um concerto da Banda Mirim e da Sexta Cultural no Mercado Velho.

Já no sábado (22), ainda em Diamantina, farão uma visita guiada ao Garimpo Real – único garimpo de extração artesanal de diamantes ainda em atividade no Brasil. Depois, seguirão para o pitoresco distrito de São Gonçalo do Rio das Pedras, um lugar de rara beleza em plena Serra do Espinhaço. Em seguida, irão para o distrito vizinho de Milho Verde, onde conhecerão a Oficina de bordados e trabalhos com retalhos Barra Cega. Ainda no sábado, partem em direção ao Serro, onde à noite assistirão apresentação da Banda Santíssimo Sacramento, na sede da Corporação Musical.

No domingo (23), os receptivos visitarão a Fazenda Horizonte Belo para conhecer o Alambique da Cachaça Velha Serrana. Na sequência, será a vez da Fazenda Engenho da Serra, propriedade na qual vivenciarão a produção do Queijo do Serro, tombado como patrimônio imaterial. Eles irão almoçar na propriedade, de onde retornam para Belo Horizonte.

Fonte: Secretaria de Turismo de Minas Gerais

  
  

Publicado por em