Estratégias para o turismo em São Paulo avançar

Com as nova estratégias e medidas para aumentar a permanência do turista na cidade, a ocupação hoteleira passou de 55% para 70%

  
  
Caio Carvalho, presidente da SPTuris, falou da estratégia para o fortalecimento do turismo em São Paulo

As estratégias de desenvolvimento do turismo em São Paulo mudaram muito de 2002 para cá. Na época, a ocupação hoteleira anual média girava em torno dos 55%. Com o realinhamento estratégico e novas medidas para aumentar a permanência do turista na cidade, a ocupação anual passou para os 70%. Os estrangeiros que ficavam, em média, 2,5 dias na capital, agora ficam o dobro do tempo.

Com a criação do Observatório de Turismo, que passou a monitorar os principais indicadores do setor na capital paulista, “foi possível identificar as falhas para poder mudar o ritmo de crescimento da cadeia produtiva local”, resumiu Caio Carvalho, presidente da SPTuris.

“Quando você consegue ter um diagnóstico preciso, você consegue atuar com precisão para trabalhar pelo que pode ser melhorado”, afirmou Carvalho. O Observatório de Turismo da cidade de São Paulo foi premiado na categoria “Monitoramento” do concurso Melhores Práticas dos 65 Destinos Indutores do Desenvolvimento Turístico Regional, do Ministério do Turismo.

Outras iniciativas vencedoras foram apresentadas no início da tarde desta sexta-feira (15) em mesa de debates no Núcleo do Conhecimento, durante o 6º Salão do Turismo – Roteiros do Brasil.

Fonte: MTur

  
  

Publicado por em