Foz do Iguaçu tem aumento no número de visitantes

A expectativa é que o crescimento continue, principalmente após as reformas previstas para o aeroporto

  
  

O primeiro trimestre de 2012 foi movimentado nos principais atrativos turísticos de Foz do Iguaçu, garantindo novos recordes de visitação para o Destino Iguaçu. No lado brasileiro do Parque Nacional (PNI) o número chegou a 424.530 visitantes, contra 405.500 no mesmo período do ano passado – um aumento de 4,5%.

Foi o maior movimento registrado desde que o parque começou a fazer a estatística, em 1985. Para Jorge Pegoraro, chefe do PNI, o destaque ficou para o grande movimento de brasileiros.

“Tivemos um crescimento no número de visitantes brasileiros na ordem de 20% no último ano. Nós apostamos nesse mercado, e os feriados nacionais têm nos dado uma boa resposta”, disse.

Itaipu também foi uma atração bastante concorrida. A usina atraiu, no primeiro trimestre deste ano, 119.856 visitantes, além de 6.999 visitas institucionais, num total de 126.855 pessoas.

Janeiro foi o melhor mês, ultrapassando a marca de 58 mil turistas. Como em 2011 foram 122,5 mil visitantes, o aumento ficou na casa de 3,5%.

O aumento no fluxo de turistas teve impacto no movimento do Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu. Enquanto no primeiro trimestre de 2011 o número de passageiros embarcados foi de 413,6 mil, em 2012 foram 423.415 pessoas, um crescimento de 2,36%. A expectativa é que o crescimento continue, principalmente após as reformas previstas para o aeroporto.

Estão previstas a ampliação do terminal de passageiros; a ampliação e cobertura da via frontal ao terminal; a reformulação de todo o sistema elétrico; a construção de um prédio para empresas terceirizadas; obras de acessibilidade; um novo acesso coberto ao estacionamento – entre outras.

“Trabalhamos com a perspectiva de crescimento de 5% este ano, no conjunto dos atrativos do Destino Iguaçu. É um crescimento sustentável, com qualidade, que precisa ser mantido. Estamos fazendo a nossa parte para que isso aconteça”, disse o superintendente de Comunicação Social da Itaipu, jornalista Gilmar Piolla, que preside o Fundo de Promoção e Desenvolvimento Turístico do Iguaçu – o Fundo Iguaçu.

Março:

Os resultados do trimestre foram positivos, apesar da pequena queda registrada no mês de março. Tanto no PNI quanto na Itaipu, a taxa de visitação caiu respectivamente 10% e 16% naquele mês, em comparação com o ano anterior.

Isso se deve ao carnaval, este ano, ter sido celebrado em fevereiro, enquanto em 2011 aconteceu no final do mês de março – porém, na conta do trimestre, o crescimento se confirmou.

Visite: www.revistaecotour.com.br

Fonte: Itaipu

  
  

Publicado por em