Jornalistas italianos visitam Coruripe para conhecer a história dos escravos em Alagoas

O objetivo dos jornalistas será construir uma matéria sobre a presença dos negros e a história dos escravos em Alagoas e no Brasil, mostrando toda diversidade cultural e atrativos turísticos que vão além de praia e sol.

  
  

Essa semana, o secretário de Turismo e Pesca de Coruripe, Manoel Otávio recebeu a visita dos jornalistas italianos, Franco Capone e Bruno Zanzottera da revista científica Focus. O objetivo dos jornalistas será construir uma matéria sobre a presença dos negros e a história dos escravos em Alagoas e no Brasil, mostrando toda diversidade cultural e atrativos turísticos que vão além de praia e sol.

A programação apresentada aos jornalistas em Alagoas inclui alguns municípios do Roteiro Integrado da Civilização do Açúcar (RICA), mais especificamente, Marechal Deodoro, Rio Largo e Coruripe. “Essa visita é uma oportunidade de divulgar nossos produtos turísticos e mostrar as belezas e as potencialidades do nosso estado como roteiro turístico integrado e sustentável, disse o presidente do RICA, Genival Ferreira.

Inspirado na importância da cana-de-açúcar e seus derivados na formação do Brasil, a “Civilização do Açúcar” agrupa e transforma em atrativos turísticos a influência social, política e econômica da sociedade de senhores e escravos, além de ícones como a produção da cachaça e da rapadura e seu importante legado cultural.

Em Coruripe, os visitantes foram recebidos pelos funcionários da Usina da Coruripe, Adalberto Oliveira, gestor de Recursos Humanos, Valdir Gomes, coordenador do Sistema de Gestão Ambiental e o jornalista André Muricy, que mostraram todo processo que envolve a cana-de-açúcar tanto na parte agrícola e industrial, quanto na socioambiental. “É muito importante compartilhar e fazer parte dessa cultura. Nós, da Usina Coruripe, temos satisfação de recebê-los e mostrar também nossa tecnologia. É uma das melhores do mundo”, frisou Valdir Gomes.

Na Itália, com 55 milhões de habitantes, a revista científica Focus vende 500 mil exemplares por edição. O secretário Manoel Otávio, destacou a importância de manter parceiras, “sem o apoio fundamental da Usina Coruripe isso não estaria acontecendo hoje, estamos firmando a cada dia nosso contato com empresas privadas, município e a comunidade”.

Acompanharam a visita, o diretor de Destinos e Produtos da Setur, Jair Galvão, o tradutor que acompanhou o grupo Roberto Petro Sino e os servidores Luiz Antônio Lopes, chefe de gabinete e a turismóloga Angélica Gustavo. A edição da revista com matéria especial sobre o tema está prevista para janeiro de 2010.

Fonte: Secretaria de Turismo de Coruripe

  
  

Publicado por em