Ópera de Arame, em Curitiba, é uma das sete maravilhas do país

Foz do Iguaçu ficou em primeiro lugar na votação, que destacou ainda o Pão de Açúcar (RJ), a Basílica da Nossa Senhora da Aparecida (SP), o Elevador Lacerda (BA), o Museu do Ipiranga (SP) e o Teatro Amazonas (AM)

  
  

A Ópera de Arame foi eleita uma das Sete Maravilhas Brasileiras pelo site de hospedagem Hoteis.com. A pesquisa foi feita em novembro de 2011 com os visitantes cadastrados no site.

"A Ópera de Arame é um lugar que ilustra as boas soluções urbanísticas adotadas em Curitiba e a qualidade de vida oferecida aos moradores da cidade. Não poderia ficar de fora dessa lista", diz a presidente do Instituto Municipal de Turismo, Juliana Vosnika.

Foz do Iguaçu ficou em primeiro lugar na votação, que destacou ainda o Pão de Açúcar (RJ), a Basílica da Nossa Senhora da Aparecida (SP), o Elevador Lacerda (BA), o Museu do Ipiranga (SP) e o Teatro Amazonas (AM).

Sucesso - Com estrutura tubular e teto transparente, a Ópera de Arame é um símbolo de Curitiba. O teatro foi inaugurado em 1992 e tem capacidade para 1.572 espectadores. Faz parte do Parque das Pedreiras e é cercada por lagos, vegetação típica e cascatas.

Ao lado do Jardim Botânico, a Ópera de Arame é o atrativo preferido dos turistas que vêm a Curitiba. O teatro é um dos locais com maior número de desembarques dos passageiros da Linha Turismo, que percorre 24 pontos de interesse turístico na cidade com ônibus de dois andares.

Dados de pesquisa feita pelo Instituto Municipal de Turismo mostram que 47,2% dos desembarques da Linha Turismo são no Jardim Botânico; 43,2%, na Ópera de Arame; e 36,4%, no Parque Tanguá.

A lista dos dez locais com mais desembarques na Linha Turismo inclui Praça Tiradentes, Parque Tingui, Parque Barigui, Torre Panorâmica, Museu Oscar Niemeyer, Bosque Alemão e Unilivre.

Fonte: Prefeitura de Curitiba

  
  

Publicado por em