Viaje quase de graça com Milhas Aéreas

Notícias > Turismo > Turismo nacional > 

Conheça Salesópolis, a cidade que abriga a nascente do Rio Tietê

Salesópolis é o berço do histórico Rio Tietê. Está localizada numa região serrana, coberta por Mata Atlântica. A cidade apresenta vários atrativos ecológicos aos turistas, e o grande destaque fica por conta do Parque das Nascentes do Tietê

3 de Abril de 2012.
Publicado por Equipe EcoViagem  

No Parque das Nascentes do Tietê, a água brota de três pontos entre as rochas, formando um minúsculo lago

No Parque das Nascentes do Tietê, a água brota de três pontos entre as rochas, formando um minúsculo lago
Foto: Divulgação

Salesópolis é o berço do histórico Rio Tietê. Está localizada a 117 quilômetros da capital numa região serrana, coberta por Mata Atlântica. A cidade apresenta inúmeros atrativos ecológicos aos turistas, e o grande destaque fica por conta do Parque das Nascentes do Tietê.

Na Barragem da Ponte Nova, o visitante pode contemplar a vista panorâmica da região. No local, ainda é possível fazer caminhadas e fotografar. Outra boa opção é pescar ou simplesmente fazer um passeio de barco na Represa do Rio Paraitinga.

Por entre as trilhas, o turista encontra várias cachoeiras. A da Porteira Preta encanta com a pequena queda d'água e é um local excelente para o viajante relaxar e curtir momentos de tranquilidade.

Já no Parque das Nascentes do Tietê, o visitante pode ver o local exato onde brota o famoso rio. Por entre as pedras, há uma placa com a frase: "Aqui nasce o Rio Tietê, Sociedade Geográfica Brasileira - 1554 - 1954". Essa placa foi colocada no ano do Quarto Centenário de São Paulo.

Curiosidades
O Memorial do Tietê é o local perfeito pra aprender curiosidades sobre o rio. O espaço possui, entre outras atrações, cinco potes com água em diferentes localidades por onde ele passa: Salesópolis, Mogi das Cruzes, São Paulo, Porto Feliz, Barra Bonita e Itapurá. Nestes potes, a diferença da qualidade da água e o nível de poluição são facilmente perceptíveis.

Em Salesópolis, também é possível aprender sobre história. Os turistas encontram no Casarão Senzala uma construção de pau a pique e taipa de pilão. Por muito tempo, o espaço serviu como ponto de parada dos comerciantes que, vindos da Capital e Vale do Paraíba, percorriam a Rota do Sal para a comercialização de produtos, dentre esses a compra e venda de escravos.

Religião
Um local que pode ser avistado de qualquer ponto da cidade é a igreja de São José. Charmosa, atrai vários estudantes de arquitetura pelo seu estilo eclético, com predominio neoclássico. Além disso, é considerada marco principal da religiosidade.

Por falar em religião, a cidade preserva uma tradição que começou no início do século. Até hoje, a cada primeira quinta-feira do mês é realizada a Feira. Considerada como um dia santo, a data é celebrada com missa e procissão do Santíssimo.

Fonte: Governo de São Paulo

Compartilhar nas Redes Sociais

Comentários


 

Veja também

463 anos da capital dos baianosSão Luiz do Paraitinga: a cidade renasce na Páscoa

 

editar    editar    editar    0 visitas    0 comentários