Todos os caminhos levam a São Paulo

É importante destacar que o Estado de São Paulo tem grande contribuição para a movimentação das pessoas na prática do turismo

  
  

O turismo é uma atividade prazerosa, que traz descanso ao corpo e a mente do turista, pois mesmo saindo a trabalho, tem a oportunidade de vivenciar momentos que fogem da sua rotina habitual.

O turismo no mundo, segundo dados da Organização Mundial do Turismo (OMT) revela que o turismo é uma atividade que corresponde a 10% do PIB (Produto Interno Bruto) mundial, chegando a agitar US$ 3,4 trilhões gerando emprego e renda com grande impacto nas áreas sociais, políticas e culturais das regiões em que ocorrem.

É importante destacar que o Estado de São Paulo tem grande contribuição para a movimentação das pessoas na prática do turismo, pois São Paulo concentra mais de 40% da receita de serviços de turismo, exatamente 43,38% da receita bruta de serviços, correspondente a 34.708,01 milhões de reais segundo estudo do IBGE e Ministério do Turismo. Estima-se que as pessoas ocupadas em Turismo, no Estado de São Paulo, sejam de 750.000 o que equivale a 35,7% segundo a mesma pesquisa do IBGE/MTUR.

“Com base nos números e na vocação natural que o Estado Paulista tem para o turismo pode-se afirmar que São Paulo é um pólo turístico, pois possui todos os segmentos do turismo: Turismo de Aventura, Turismo de Pesca, Turismo Náutico, Turismo de Sol e Praia, Turismo de Negócios e Eventos, Turismo Rural, Turismo de Saúde, Ecoturismo, Cultural (Religioso e Étnico)”, revela Claury Alves da Silva, secretário de Esporte, Lazer e Turismo do Estado de São Paulo.

O Estado está em fase de contínuo crescimento no setor e neste caso as regiões turísticas tradicionais continuam com um destaque especial como a Capital, o Litoral (norte e sul) e Campos do Jordão. Por outro lado, destinos que se focam nos segmentos começaram a despontar como por exemplo, Brotas e Socorro no Turismo de Aventura, o Circuito Religioso (Aparecida, Guaratinguetá e Cachoeira Paulista) no Turismo Religioso e as Fazendas Históricas e o Circuito das Frutas no Turismo Rural. Outro pólo com grande potencial são os destinos e roteiros ligados aos Parques Naturais do Estado (Ecoturismo) como o Vale do Ribeira (PETAR, Parque Intervales, Parque Carlos Botelho) com o projeto de trilhas da Mata Atlântica além do turismo de pesca e náutico que aproveita todo o potencial das barragens existentes nos rios Tietê, Paranapanema, Paraná e Grande.

Vale ressaltar que o Estado de São Paulo possui a melhor infra-estrutura seja de acesso, comunicação, transporte, hospedagem, alimentação etc; e de serviços complementares como sistema bancário, saneamento básico, comércio etc. As restruturações das rodovias que deixaram o Estado com as melhores estradas do País, nos permitem informar que das 20 rodovias consideradas ótimas, 18 estão localizadas no Estado de São Paulo. Temos também, a construção do Rodoanel para desafogar o trânsito na Capital e o investimento de R$ 153 milhões nas 67 estâncias turísticas demonstram a importância do setor para o Governo Estadual. É importante destacar também os programas estaduais de investimentos em saneamento e meio ambiente são de extrema importância para desenvolvimento do turismo.

“Essa competência que São Paulo tem em tratar o turismo é resultado de muito trabalho, pois o mundo encontra-se aqui”, finaliza o secretário Claury.

Fonte: Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo

  
  

Publicado por em