Trabalho do Governo desenvolve o turismo no Alto Sertão de Sergipe

O turismo e o comércio no Alto Sertão Sergipano já começam a sentir os impactos positivos das ações estruturantes do Governo do Estado.

  
  

O turismo e o comércio no Alto Sertão Sergipano já começam a sentir os impactos positivos das ações estruturantes do Governo do Estado. A Rota do Sertão, que liga a capital Aracaju a Canindé do São Francisco e está sendo completamente reestruturada pelo Governo de Sergipe com investimentos superiores a R$ 51 milhões, já se encontra em estágio avançado com mais de 150 km completamente recuperados, o que tem contribuído para promover um aumento considerável do fluxo turístico no local.

Por um longo período, tanto turistas quanto hoteleiros, guias e receptivos, além da população em geral, reclamavam da dificuldade de acesso ao Cânion de Xingó, um dos mais belos cartões postais de Sergipe e do Brasil e a Poço Redondo, município onde foi morto o lendário Lampião. O principal fator de insatisfação era a má conservação da rodovia, o que aumentava o tempo de percurso dos 216 quilômetros de 2h30 para até 4 horas, além de danificar os veículos por conta dos grandes e numerosos buracos na pista.

Com a restauração da malha viária da região em toda sua extensão já em fase final, torna-se bem mais fácil e conveniente conhecer o quinto maior cânion navegável do mundo e um dos roteiros turísticos sergipanos de maior projeção no mercado nacional. O empresário Antônio Manoel de Carvalho Neto, mais conhecido como Mané Foguete, um dos pioneiros a investir no setor da região, reconhece que o atual período está batendo recordes de visitantes na área do Alto Sertão.

“Graças à nova estrada, o Verão 2009 está sendo um grande sucesso. Quando solicitamos ao governador Marcelo Déda, no início de sua gestão, que restaurasse a rodovia, acreditávamos que o fluxo aumentaria na ordem de 30% a 40%, mas graças a Deus estávamos enganados. Já em dezembro de 2008, com as obras bem adiantadas, sentimos uma melhora de 50%, e em janeiro praticamente dobramos o fluxo de turistas nos cânions em relação ao ano anterior. Com a finalização das obras, estou certo de que teremos o maior fluxo de turistas de todos os tempos no Alto Sertão Sergipano”, celebra o empresário.

Aliadas às obras de reestruturação e alargamento das principais vias de acesso dos municípios da rota, a estratégia de divulgação promovida pela Secretaria de Estado de Turismo (Setur) através da Empresa Sergipana de Turismo (Emsetur) tem contribuído para o sucesso e o maior número de turistas na região. No segundo semestre de 2008, jornalistas de cinco veículos especializados visitaram, dentre outros atrativos, o Cânion de Xingó.

Além de matérias em jornais impressos de grande tiragem nacional, a visita rendeu uma importante divulgação no portal da internet Universo Online (Uol). Em janeiro deste ano, um novo grupo de jornalistas visitou as belezas da região, o que já rendeu matérias em veículos de comunicação importantes como a Folha de São Paulo Online, e os jornais impressos Gazeta Mercantil e O Globo. O planejamento estratégico de divulgação nacional do Verão Sergipe também foi fundamental para a presença maciça de turistas no Estado.

Reconhecido por sua experiência como guia turístico da região de Xingó, o turismólogo Genilson Aragão avalia que no impacto das ações do Governo foram decisivos para aumentar o fluxo de turistas no sertão em relação ao ano passado. “A divulgação contribuiu e vem contribuindo o tempo todo, e as reformas na estrada, acredito, foram determinantes”, afirmou o guia.

Quanto ao aumento de turistas na região dos Cânions de Xingó, a proprietária do restaurante flutuante Carrancas, Patrícia Brasil, também aponta bons números: o fluxo de pessoas em seu estabelecimento aumentou 70% em relação ao ano passado. O ‘Carrancas’ é o ponto de partida dos catamarãs e escunas que fazem os passeios dos cânions e tem a capacidade de oferecer refeições para 500 pessoas simultaneamente.

“No restaurante, temos que ter uma sincronia muito boa com os catamarãs. Às vezes, nossa equipe precisa oferecer almoço para 240 pessoas em 40 minutos. Percebemos que o turismo doméstico também cresceu muito aqui. Semana passada, às 6h da manhã, recebi uma ligação de um rapaz de Aracaju querendo orientação de como chegar aqui”, contou.

Trade local e turistas

Mesmo sob intervenção desde o dia 27 de setembro do ano passado, o antigo Hotel Águas Xingó, atualmente sob administração da prefeitura, não parou de funcionar e nos meses de janeiro e fevereiro tem tido uma taxa de ocupação de 100% em quase todos os finais de semana. Os números são da gerente e também turismóloga Gildivânia Ramos.

“Aos finais de semana estamos sempre lotados e, se tivéssemos mais apartamentos, estariam todos ocupados. Quando aqui está lotado, sempre encaminhamos os turistas para outros hotéis ou pousadas e agora, a estrada nova vai ajudar porque deu mais segurança aos turistas”, afirma a gerente.

Cícero Araújo Gonçalves é membro da tripulação do catamarã que faz o passeio até a trilha da Grota de Angicos (município de Poço Redondo), onde Lampião e seu bando foram emboscados. O funcionário da embarcação informa que a excursão tem recebido muitos visitantes. “Recebemos gente de todos os cantos do Brasil. E com a estrada boa, é outra coisa, né? Melhorou porque quem fica sabendo que o caminho está melhor tem mais vontade de vir”, disse.

Apreciando as águas represadas do Velho Chico, os turistas pernambucanos Leonardo Caldas Pinto e Diogo Rodrigues são unânimes quando o assunto é a beleza do local. “Poucos locais são tão bonitos como esse e a culinária aproveitando os crustáceos e peixes do rio, é uma delícia!”, elogiou o advogado Leonardo Caldas. “Tem muito espaço para crescer e ter infra-estrutura. O acesso é fundamental para o local ter desenvolvimento. Sergipe se utiliza muito bem dessa parte dos Cânions”, afirmou Diogo Rodrigues que é funcionário público.

Obras

A reciclagem das camadas do pavimento e o alargamento da via de oito para nove metros da estrada estão sendo viabilizados em diversos trechos rodoviários, beneficiando diretamente dez municípios sergipanos. A obra foi subdividida em quatro lotes para facilitar os trabalhos. O primeiro lote vai da BR-235 até o município de Nossa Senhora da Glória, e os segundo e terceiro lotes abrangem de Nossa Senhora da Glória ao município de Nossa Senhora das Dores, num trecho de 44 quilômetros. A extensão entre os municípios de Nossa Senhora da Glória a Monte Alegre, perfaz mais 29 quilômetros. O quarto e último lote se estende do município de Canindé do São Francisco até as divisas com os Estados da Bahia e Alagoas.

De acordo com o presidente do Departamento Estadual de Infra-Estrutura Rodoviária de Sergipe (DER), Ézio Faro, a obra se encontra com cerca de 70% de suas ações concluídas. “Até março, entregaremos todo o recapeamento asfáltico até Canindé e, até maio, os 37 quilômetros restantes da via que vão até a divisa interestadual estarão prontos”, afirmou ele, ao destacar ainda que obras secundárias de melhoria na estrutura de avenidas em perímetros urbanos, com alargamento, duplicação e iluminação estão sendo realizadas em municípios como Monte Alegre e Nossa Senhora da Glória, beneficiando o comércio dessas cidades e promovendo o seu desenvolvimento.

Fonte: Secretaria de Turismo do Estado do Sergipe

  
  

Publicado por em

Thayrine santos

Thayrine santos

05/01/2010 13:13:03
Com certeza é uma grande melhoria para o turismo no estado de Sergipe que está crescendo cada vez mais. A infraestrutura de uma região e seus atrativos turísticos, os chamados serviços de apoio são fatores determinantes para a visibilidade turística de qualquer estado.