Turismo como aprendizado

Programa Viaja Mais Jovem é lançado no Acre. Experiência piloto é a primeira em todo o Brasil

  
  
Secretário de Turismo, Cassiano Marques, no lançamento do programa

Quarenta alunos e três professores da sétima série da Escola Estadual Marilda Gouveia foram os primeiros a embarcar no programa Viaja Mais Jovem, lançado na manhã desta segunda-feira, 19. O primeiro roteiro inclui Rio Branco, Xapuri, Epitaciolândia e Brasiléia e a proposta é integrar turismo social, metodologia pedagógica e aprendizado para a vida.

O programa é uma iniciativa do Ministério do Turismo, em parceria com o Governo do Estado do Acre, através da Secretaria de Turismo, Esporte e Lazer e Secretaria de Educação. Seiscentos estudantes e 45 professores de 13 escolas visitarão os municípios de Plácido de Castro, Brasiléia, Xapuri, Assis Brasil, Epitaciolândia e Rio Branco.

Programa incentiva a viagem de jovens estudantes da rede pública

A estudante Naymara Bitia de Lima, 14 anos, sabe apenas que Xapuri é a cidade de Chico Mendes. Não conhece o interior do Estado e terá a oportunidade de visitar lugares que fazem parte da história do Acre. "É uma experiência que vai nos ajudar a aprender, a descobrir novas coisas. Muitos estudantes nunca saíram da cidade em que moram", comentou.

Os estudantes foram selecionados a partir de um critério diferente. Foram escolhidos os alunos das melhores turmas entre as escolas que tiveram o menor Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). "O objetivo é valorizar e estimular, oferecendo uma oportunidade para jovens que não tem muitas opções. A viagem é algo novo, onde serão obtidos conhecimentos de geografia, história, modo de vida, costumes. Acredito que além de tudo, os estudantes vão trazer na bagagem experiências que a escola não dá, a sala de aula não proporciona", disse a secretária de Educação, Maria Correa.

Crianças embarcam em ônibus para destinos turísticos pelo Acre

O secretário de Turismo, Esporte e Lazer, Cassiano Marques, destacou que o programa é uma forma de inclusão social. "O Viaja Mais Jovem não é apenas inclusão do ponto de vista cultural, é também a realização de um sonho para estes estudantes que em sua maioria nunca saíram de suas cidades. Queremos também fomentar o turismo e a proposta é que os recursos gerados com o programa sejam aplicados na melhoria dos equipamentos de turismo, que os hotéis melhorem suas roupas de cama, que os restaurantes melhorem suas estruturas", comentou.

O Acre é o primeiro estado a desenvolver o projeto piloto do Viaja Mais Jovem e o investimento inicial é de R$ 400 mil. A expectativa do Ministério do Turismo e Lazer é expandir o projeto nos próximos anos.

Fonte: Governo do Acre

  
  

Publicado por em