Um ano depois das enchentes, São Luiz já se reconstrói

A cidade das marchinhas supera desastre e recebe foliões no carnaval de 2011

  
  
Cidade restaurada

Após as enchentes que atingiram São Luiz do Paraitinga em 2010, a cidade já se recupera dos estragos e retoma o tradicional carnaval de marchinhas. A alegria do povo luizense e a força do mercado turístico ajudaram a reerguer um dos símbolos culturais festivos do país.

Segundo informações do coordenador da Defesa Civil de São Luiz do Paraitinga, Carlos Luzia Rodrigues, as obras para o desassoreamento do rio Paraitinga já começaram. “Estamos monitorando diariamente o nível dos rios e já começamos as obras de contenção e implantação de sistemas de alerta”, completa. Apesar da instabilidade das chuvas nessa época do ano, a Prefeitura afirma que não há previsões de cheias como as do ano passado.

Na cidade, as casas retomaram as cores e a vida. Muitas das construções destruídas pela fúria das águas já foram reconstruídas e pintadas, voltando ao tradicional estilo colonial que muito lembra o tempo dos portugueses por essas bandas. No clima de reconstrução, o povo luizense esbanja alegria e disposição pelas ruas. A feirinha na praça do coreto e o mercadão com seus tecidos xadrezes e carnavalescos são provas de que a vida voltou para São Luiz.

A Prefeitura lembra que em 240 anos nunca houve uma enchente como a de 2010 e a expectativa é que não se repita. Um bairro construído a apenas 200 metros do centro da cidade foi entregue pela Secretaria de Habitação do Estado de São Paulo, por meio da CDHU, à população que perdeu tudo nas enchentes, de acordo com o Plano Diretor da Cidade.

A programação com os horários e locais de saída dos blocos para o carnaval de 2011 já está disponível no site da prefeitura, no link www.saoluizdoparaitinga.sp.gov.br, onde os visitantes podem conferir tudo o que vai acontecer nos cinco dias de festa.

Além do maior evento cultural da cidade, os turistas podem aproveitar a estada para conhecer as inúmeras atrações de eco-aventura. O Núcleo Santa Virgínia, no Parque Estadual da Serra do Mar, oferece diversas opções para os aventureiros. O rafting no rio Paraibuna é uma das atividades mais procuradas. Não por acaso. Mesclando trechos de remanso com quedas d’água lindas, a diversão é garantida.

Trilhas como a das Sete Cachoeiras, do Poço do Pito e do Rio Ipiranga são algumas das oportunidades de conhecer as belezas e o aconchego da Mata Atlântica preservada da região. A fauna e a flora são exuberantes e compõem um cenário inesquecível para quem passa por essas bandas.

A Defesa Civil orienta os moradores e turistas para o cuidado com o meio ambiente, especialmente com o rio, não jogando lixo em seu leito. O órgão disponibilizou o telefone (12) 3671-1545 para quem tiver denúncias a fazer, neste sentido.

Mais informações podem ser obtidas no site www.saoluizdoparaitinga.sp.gov.br.

Fonte: AD Comunicação & Marketing

  
  

Publicado por em