Basílica de Belém inspira coleção de jóias

A exposição faz parte das comemorações do Círio de Nazaré, a maior festa católica do Brasil, que acontece todos os anos no mês de outubro.

  
  

Na quinta-feira, 1/10, foi inaugurada a exposição "Joias de Nazaré 2009 - Basílica, Tesouros da Fé", inspirada na beleza e colorido dos vitrais e nave central da Basílica de Nazaré, em Belém (PA). São cerca de 50 peças em ouro, prata, gemas minerais e orgânicas, que fazem referência à igreja do século XVIII, reaberta em setembro, totalmente restaurada. É no altar da Basílica que está o Glória, que abriga a imagem original de Nossa Senhora de Nazaré, padroeira dos paraenses.

A exposição faz parte das comemorações do Círio de Nazaré, a maior festa católica do Brasil, que acontece todos os anos no mês de outubro, em homenagem à Nossa Senhora de Nazaré. Todos os anos uma nova coleção “Jóias de Nazaré” é criada com diferentes inspirações.

A produção das jóias começa com a realização de um workshop de desenvolvimento de produtos, que coloca o designer frente ao desafio de criar peças a partir de um tema relacionado ao Círio.

Realizado em junho, sob a coordenação de Rosângela Gouvêa, designer de jóias e professora do curso de Design da Universidade do Estado do Pará (Uepa), o workshop de 2009 trabalhou os 100 anos de lançamento da pedra fundamental da Basílica Santuário de Belém.

O resultado deste ano é uma coleção de peças que retratam desde a fachada até detalhes do interior da Basílica, como as rosáceas e as colunas em mármore italiano. A imagem da Santa também está presente na coleção.

Criada pela designer Selma Montenegro, o pingente Majestosa I, em ouro e fibra de arumã, reproduz a fachada. Já o ourives Argemiro Muñoz criou e confeccionou um camafeu em prata, trabalhado em dupla face, enquanto a designer Camila Amaral foi buscar em pequenos detalhes da decoração da Basílica elementos para criar vários pingentes também em prata.

"Outubro é um mês muito especial para todos nós. É quando redobramos nossas homenagens à Padroeira e comemoramos o aniversário do Espaço São José Liberto, que abriga o Museu de Gemas e Joias do Pará.

Neste ano, por feliz coincidência, será no dia do Círio, 11 de outubro”, ressalta Rosa Helena Neves, diretora executiva do Instituto de Gemas e Jóias da Amazônia (Igama), instituição que promove a exposição junto com o governo do Estado do Pará.

A sétima edição da exposição “Jóias de Nazaré 2009 - Basílica, Tesouros da Fé", no Espaço São José Liberto, em Belém, ficará aberta à visitação até 31 de outubro, de 9 às 19 horas, durante a semana, e de 10 às 19h aos domingos.

Fonte: Célia Moreno / Assessoria de imprensa do Governo do Pará

Visite:www.revistaecotour.com.br

  
  

Publicado por em