Viaje quase de graça com Milhas Aéreas

Notícias > Turismo > Turismo religioso > 

Beatificação de Irmã Dulce impulsiona o Turismo Religioso em Salvador

"Ganha a Bahia, ganha o turismo e ganha as obras sociais", comemorou a presidente da Bahiatursa, Emília Salvador Silva

28 de Outubro de 2010.
Publicado por Vininha F. Carvalho  

Após o anúncio de que a Bahia vai fazer parte do roteiro de Turismo Religioso do Vaticano este ano, mais um importante passo foi dado na manhã da quarta-feira (27/10), para impulsionar o segmento no Estado: o cardeal arcebispo de Salvador e primaz do Brasil, Dom Geraldo Majella Agnelo, anunciou a beatificação, grau anterior ao de Santo, à Irmã Dulce. O anúncio estava sendo esperado desde abril deste ano, quando a religiosa recebeu o título de venerável.

De acordo com Dom Geraldo, a Comissão Científica do Vaticano reconheceu juridicamente um milagre ocorrido por interseção de Irmã Dulce, necessário para se chegar ao patamar de beata. Agora falta apenas a assinatura do Papa Bento XVI no processo, o que deverá ocorrer até o mês de dezembro.

Com a beatificação, o assessor de Memória e Cultura das Obras Sociais Irmã Dulce, Osvaldo Gouveia, acredita que visitantes de várias partes do mundo virão a Salvador para conhecer a obra social e religiosa da beata.

“Desde que o processo foi iniciado, o fluxo de turistas que nos visitam cresceu 12%. A partir de agora, a tendência é que esse número cresça cada vez mais”, afirmou.

O Memorial recebe cerca de 35 mil visitantes por ano, sendo 25% destes, provenientes dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, e Ceará.

Em 2009, o local passou a fazer parte do roteiro turístico do Salvador Bus. A inclusão do Memorial no itinerário do ônibus atende a estratégia de divulgação da Bahiatursa e Secretaria do Turismo de promover e aumentar o fluxo de turistas no local, através do turismo religioso.

Além da parceria com o Salvador Bus, a Bahiatursa promove este roteiro no mercado internacional, incluindo o Museu de Arte Sacra, a Basílica de Nossa Senhora da Conceição da Praia, a Igreja do Bonfim e o Forte de Monte Serrat.

“Este é um dos poucos segmentos que tem fidelização do turista. Este reconhecimento só amplia a oferta da Bahia, facilitando o nosso trabalho no Brasil e no mundo. Ganha a Bahia, ganha o turismo e ganha as obras sociais”, comemorou a presidente da Bahiatursa, Emília Salvador Silva.

De acordo com pesquisa do Ministério do Turismo, realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), em 2007, 3,6% dos entrevistados viajaram pelo Brasil para fazer turismo religioso, o que corresponde a mais de oito milhões de viagens.

MEMORIAL IRMÃ DULCE:

Está localizado no anexo ao Convento Santo Antônio, na sede da OSID (bairro de Roma, Salvador)

Horário de Funcionamento:

Terça a Sábado: 10 às 17h e domingo das 10 às 15 h. – entrada franca

Fonte: Bahiatursa

Visite: www.revistaecotour.com.br

Compartilhar nas Redes Sociais

Comentários


 

Veja também

Turismo Religioso – Experiências do BrasilRoteiro para a alma

 

editar    editar    editar    16 visitas    0 comentários