Notícias > Turismo > Turismo religioso > 

Turismo Religioso será debatido no Mosteiro de São Bento

Objetivo do I Encontro de Turismo Religioso Católico é reunir os principais dirigentes dos destinos turísticos religiosos do Brasil para debater o desenvolvimento do segmento

10 de Fevereiro de 2010.
Publicado por Equipe EcoViagem  

Busca por retiros espirituais. Visitas a igrejas, templos e santuários. Peregrinações, romarias, festas e comemorações religiosas. Estas são atividades características do Turismo Religioso, segmento em expansão no Brasil. Para debater os entraves e propor soluções para o desenvolvimento do segmento no país, a coordenadora-geral de Segmentação do Ministério do Turismo (MTur), Sáskia Lima, participa, nesta quarta-feira (10), do I Encontro de Turismo Religioso Católico, no Mosteiro de São Bento, no Rio de Janeiro (RJ). Com o tema “Os rumos do Turismo Religioso no Brasil”, o evento reunirá os principais dirigentes dos destinos turísticos religiosos católicos do Brasil – empresários, padres, prefeitos e secretários de turismo – para debater o assunto.

“Essa é uma reunião técnica, um primeiro momento para debater o tema e alinhar ações para o desenvolvimento do segmento. A ideia é estabelecer um diálogo constante com os diversos atores que movimentam o Turismo Religioso na ponta”, ressalta Lima.

Os destinos de Juazeiro do Norte (Padre Cícero), Nova Trento (Santa Madre Paulina), Belém do Pará (Círio de Nazaré), Aparecida (Nossa Senhora Aparecida), Guaratinguetá (Frei Galvão), Trindade (Santuário do Pai Eterno) e Rio de Janeiro (Santuário do Cristo Redentor) já confirmaram a presença no encontro.

No Brasil, atualmente, são realizadas 1,7 milhão de viagens com fins religiosos ao ano. Quando se fala em turistas estrangeiros que vêm ao país com fins religiosos, este número chega a quase 25 mil turistas por ano. Tendo em vista esse público potencial, o Turismo Religioso está entre os segmentos trabalhados pelo MTur. Segundo Lima, “a segmentação do turismo é uma forma de organizar a oferta turística e valorizar a vocação dos destinos para atrair públicos com preferências e motivações específicas”.

O evento contará, ainda, com a participação de representantes de entidades como a Associação Brasileira das Operadoras de Turismo (Braztoa) e Confederação Brasileira de Conventions and Visitors Bureaux.

Para mais informações sobre o Turismo Religioso clique aqui.

Fonte: MTur

Compartilhar nas Redes Sociais

Comentários


 

Veja também

Mercado turístico afrodescendente em evidênciaCircuito das Igrejas de Pernambuco: cultura, história e religião em um mesmo roteiro

 

editar    editar    editar    108 visitas    0 comentários