Convidada para Feiratur, Bahia capacita 1.245 jovens no turismo rural

O governo da Bahia está investindo na qualificação de mão-de-obra e na gestão empresarial do turismo rural visando a ampliação e profissionalização da atividade nas propriedades rurais do Estado.

  
  
Foto: O secretário de Turismo da Bahia, Domingos Leonelli e a presidente da Bahiatursa, Emília Silva - convidados oficialmente para a Feiratur 2008

CAMPO GRANDE/MS - O governo da Bahia está investindo na qualificação de mão-de-obra e na gestão empresarial do turismo rural visando a ampliação e profissionalização da atividade nas propriedades rurais do Estado. A investida faz parte do projeto de interiorização da atividade defendido pela atual administração baiana e foi anunciada em coletiva à imprensa durante as comemorações do Dia Mundial do Turismo, em Salvador.

"Para este trabalho, estamos iniciando a qualificação de 1.245 jovens para atuar nas fazendas e, exclusivamente, no turismo rural", revelou o secretário de turismo da Bahia, Domingos Leonelli, logo após receber, juntamente com a presidente da Bahiatursa (Empresa Baiana de Turismo), Emília Silva, o convite oficial para participação na 5ª Feira Nacional de Turismo Rural (Feiratur 2008) que acontece de 20 a 22 de novembro em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. O convite foi assinado pelo presidente da ABRATUR/MS, Alexandre Costa Marques e pela presidente do IDESTUR, Andreia Roque.

O turismo rural baiano, de acordo com o secretário, ganhou força nos últimos oito anos, mas no início da década ainda não apresentava qualificação adequada tanto na mão-de-obra especializada quanto no aspecto de gestão das propriedades rurais para adequar a atividade como parte substancial do agronegócio. Em agosto deste ano o governo lançou o projeto "Turismo Rural da Bahia" que, inicialmente, vai trabalhar com 25 propriedades da região do Recôncavo Baiano para capacitação na área de atendimento ao cliente e estratégias de divulgação dos serviços de hospedagem em outros Estados e até no exterior.

No Dia Mundial do Turismo, Leonelli também anunciou uma parceria entre o turismo oficial da Bahia e Pernambuco para o desenvolvimento de ações conjuntas visando a promoção de atrativos conjugados – sobretudo no meio rural. "O Rio São Francisco, por exemplo, é um destino maravilhoso atravessando várias propriedades rurais nos dois estados", acrescentou. O presidente da Empetur (Empresa de Turismo de Pernambuco), José Ricardo Dias Diniz, presente às comemorações em Salvador, também recebeu convite para participar da 5ª Feira Nacional de Turismo Rural em Campo Grande/MS.

A Feiratur 2008 acontecerá no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, no interior do Parque dos Poderes, uma reserva ecológica onde está instalado o centro administrativo do Mato Grosso do Sul. A feira é realizada pela ABRATUR/MS – Associação Brasileira de Turismo Rural do Mato Grosso do Sul - e IDESTUR – Instituto de Desenvolvimento do Turismo Rural.

Conta ainda com o apoio e parcerias do Ministério do Turismo, Fundação de Turismo do Mato Grosso do Sul, da Associação Campo-Grandense de Turismo Rural (Actur), Associação das Pousadas Pantaneiras (APPAN), Associação Brasileira da Indústria de Hotéis/MS; Prefeitura de Campo Grande; Associação Brasileira dos Agentes de Viagens/MS; Conselho Municipal de Turismo de Campo Grande; Associação dos Bacharéis de Turismo; Campo Grande Pantanal Convention & Visitors Bureau e Sebrae/MS. A organização está a cargo da Opec Eventos. Mais informações podem ser obtidas pelo fone (67) 3341-6900 ou pelo e-mail: feiratur@opec-eventos.com.br.


Ariosto Mesquita

Jornalista e Mestre em Produção e Gestão Agroindustrial

( (67) 3341-7792 e (67) 9906-1859

  • ariostomesquita@globo.com
  
  

Publicado por em

Adson souza bonfim

Adson souza bonfim

27/10/2008 12:21:31
importantissima iniciativa de capacitar os profissinais diretamente envolvidos com o turismo rural e eu como estudante de guia de turismo gosto de ver o comprometimento das autoridades em relacao ao desenvolvimento das nossas atividades turisticas