Seja dono da sua Agência de Viagens Virtual

Notícias > Turismo > Turismo rural > 

Projeto Talentos do Brasil Rural: turismo e agricultura familiar a caminho dos mesmos destinos

Ação visa fortalecer a relação entre a agricultura familiar e a atividade turística no Brasil

29 de Janeiro de 2010.
Publicado por Equipe EcoViagem  

Projeto Talentos do Brasil Rural prevê a qualificação de 125 empreendimentos da agricultura familiar

Projeto Talentos do Brasil Rural prevê a qualificação de 125 empreendimentos da agricultura familiar
Foto: Sérgio Amaral – MTur

Geléias, doces, compotas, conservas, vinhos, cachaças: produtos fabricados por agricultores familiares que tiram da terra o sustento da família. Caminhadas, banhos de cachoeira, visita às propriedades, alimentação diferenciada e a oportunidade de acordar no meio rural. Como forma de divulgar esses produtos e serviços, e inseri-los no mercado turístico, o Ministério do Turismo (MTur) e o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), em parceria com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae Nacional e Sebrae-RS), apresentaram, nesta quinta-feira (28), em Brasília (DF), a empresários e entidades do setor, o Projeto Talentos do Brasil Rural: turismo e agricultura familiar a caminho dos mesmos destinos.

O objetivo é preparar os empreendimentos de agricultura familiar para prestarem serviços aos turistas e ofertarem produtos diferenciados ao mercado turístico representado por hotéis, bares, restaurantes e lojas de artesanato, agregando, assim, valor aos produtos oferecidos.

“Desde a criação do MTur, em 2003, o turismo tem sido trabalhado como importante vetor de geração de emprego e renda. Esse projeto, ao juntar quem está na ponta, os agricultores e os potenciais compradores, e qualificar os empreendimentos, contribuirá para que os produtos da agricultura familiar possam competir no mercado”, ressaltou o secretário Nacional de Políticas de Turismo, Carlos Silva.

O Projeto, com abrangência nacional e foco nas cidades-sede da Copa do Mundo de 2014, prevê a qualificação de 125 empreendimentos da agricultura familiar que trabalham com artesanato, agroindústria e turismo. A previsão é que o projeto seja executado em 18 meses. Serão trabalhados empreendimentos da agricultura familiar já estruturados e organizados.

A ideia é que o açaí, os sucos orgânicos, os queijos e embutidos produzidos por agricultores familiares, por exemplo, ganhem as mesas de hotéis e restaurantes de todo país. E, ainda, linhas de produtos, como o xampu de babaçu, e artigos utilitários e decorativos possam ser utilizados por empreendimentos do setor turístico.

Além disso, o projeto deve qualificar empreendimentos localizados no entorno das cidades-sede da Copa de 2014 que já trabalham com Turismo Rural, para que possam oferecer atividades diversificadas aos turistas e, assim, atrair o público que assistirá aos jogos do mundial.

Estão previstas também ações de apoio à comercialização dos produtos em todas as regiões do país. E, ainda, a realização de um estudo para conhecer a oferta e a demanda por produtos da agricultura familiar nos destinos. As ações serão desenvolvidas como forma de agregar valor e diversificar a oferta turística brasileira, com base em valores socioambientais e sustentáveis.

A ação é fruto de um Acordo de Cooperação Técnica assinado, em outubro de 2009, pelo MTur e MDA com intuito de implementar ações conjuntas para identificar, ordenar, promover e fortalecer a relação entre a agricultura familiar e a atividade turística no Brasil. Entre outras ações resultantes do acordo está a Rede Nacional de Turismo Rural. A rede http://comunidades.mda.gov.br/dotlrn/clubs/redenacionaldeturismo], é um espaço virtual de debate, troca de informações, parcerias e negócios destinado aos agricultores familiares. Hoje, a rede conta com mais de 200 membros.

O secretário-executivo do MDA, Daniel Maia, ao falar da parceria entre o MTur e o MDA, ressaltou que esse é um governo do trabalho conjunto e da soma de esforços. Segundo Maia, o projeto Talentos do Brasil Rural, só vem ressaltar essa parceria, que se caracteriza pelo fortalecimento da assistência técnica, identificação de mercados potenciais e exigência de qualidade e padronização dos produtos. “Essa é uma forma de gerar oportunidades e perspectiva de renda para agricultores familiares de todo o país”, concluiu Maia.

O Talentos do Brasil Rural se baseou na experiência de outros projetos – Rede de Cooperação Técnica para a Roteirização, Economia da Experiência e Talentos do Brasil, por exemplo - executados pelo MTur e MDA, que, desde 2003, são parceiros no fomento ao turismo rural.

Fonte: MTur

Compartilhar nas Redes Sociais

Comentários


 

Veja também

Diagnóstico para o turismo rural gaúchoProjeto de Lei cria condições para o incentivo ao turismo rural

 

editar    editar    editar    293 visitas    0 comentários