Deslize pelas ondas da Guatemala nesta Páscoa

Quando se pensa nos melhores destinos do mundo para surfar, a Guatemala não costuma figurar entre os primeiros colocados. Apesar disso, engana-se quem pensa que este pequeno país da América Central não possui potencial para o esporte

  
  

Quando se pensa nos melhores destinos do mundo para surfar, a Guatemala não costuma figurar entre os primeiros colocados, perdendo para nomes como Estados Unidos, Brasil e Havaí. Apesar disso, engana-se quem pensa que este pequeno país da América Central não possui potencial para o esporte, pois ele abriga praias de beleza única e ondas perfeitas.

O país possui diversas praias, a maioria delas ainda praticamente vazias, onde aficionados pelo esporte podem realizar suas manobras sobre a prancha em meio a um cenário paradisíaco. Durante os meses de novembro e abril, as ondas atingem altura média, ideal para surfistas iniciantes ou sem nenhuma experiência, que podem praticar com a ajuda das várias escolas de surfe que contam com bons instrutores. Já entre maio e outubro, as ondas se tornam mais altas, proporcionando ainda mais adrenalina.

Além do surfe, a Guatemala oferece outras opções de atividades esportivas, como passeios de bicicleta, mergulho e trekking; de aventura, como visita a vulcões; e culturais, como o descobrimento das ruínas da civilização maia.

Fonte: AD Comunicação & Marketing

  
  

Publicado por em