Galinhos: um refúgio nas paisagens do litoral potiguar

Imagine descansar em uma península com praias semi-selvagens e natureza praticamente intocada, que só pode ser acessada por barquinhos coloridos de madeira? Assim é Galinhos, no Rio Grande do Norte

  
  
Imagine descansar em uma península com praias semi-selvagens e natureza praticamente intocada, que só pode ser acessada por barquinhos coloridos de madeira?

Imagine descansar em uma península com praias semi-selvagens e natureza praticamente intocada, que só pode ser acessada por barquinhos coloridos de madeira - que dão um ar pueril ao local -, ou por veículos 4x4 que chegam quando a maré está baixa. Um lugar onde não se vê carros, motos e gente apressada, e onde é possível sentir a paz de estar perto da natureza. Assim é Galinhos, município localizado a pouco mais de 170 quilômetros de Natal, no Rio Grande do Norte, que tem cerca de dois mil habitantes e é o lugar certo para quem quer fugir da agitação do dia-a-dia e ficar rodeado por uma paisagem inebriante de dunas, mangues e águas calmas.

No percurso da capital potiguar até Galinhos é fácil perceber o modo simples e tranquilo de vida por ali. Os moradores, já acostumados ao ritmo desacelerado da região, têm como base econômica a pesca, a exploração de sal - que resulta na formação de grandes salinas, e o petróleo. Lá não existem shoppings, apenas charmosas lojinhas de artesanato. Para experimentar os sabores, uma culinária rústica com ingredientes típicos como frutos do mar, vôngoles, ostras, entre outros, é uma grande atração.

Os dias de descanso são inesquecíveis, pois o lugar é perfeito para vivenciar a simplicidade das pessoas, os hábitos locais e interagir com a natureza. Alguns barcos e jangadas levam os visitantes para nadar perto das dunas em águas mornas e transparentes e os traslados por terra ficam por conta de charretes, que estão sempre estacionadas no porto. Para completar, a leste do povoado está o farol de Galinhos, construído em 1931, e que torna ainda mais bonita a paisagem criada no pôr do sol por ali.

Fonte: AD Comunicação & Marketing

  
  

Publicado por em

Alcilene

Alcilene

11/07/2012 09:55:06
Adorei, os barquinhos coloridos, a paz a beleza potiguar.