Ilhéus e Itabuna, na Bahia, vão ganhar sinalização turística

A medida completará a colocação de 2.400 placas padronizadas, que terá início em Bom Despacho, no Recôncavo baiano, seguindo até a cidade de Belmonte, no Extremo Sul

  
  

Ilhéus passará a contar com cerca de 250 novas placas de sinalização turística e Itabuna contará com outras 62. As placas serão colocadas em pontos estratégicos das duas principais cidades do Sul da Bahia, numa parceria entre a Secretaria de Turismo da Bahia (Setur) e os municípios. O projeto de sinalização turística do Governo da Bahia abrange 18 municípios do Litoral Sul.

A medida completará a colocação de 2.400 placas padronizadas, que terá início em Bom Despacho, no Recôncavo, seguindo até a cidade de Belmonte, no Extremo Sul. A ordem de execução do projeto, orçado em R$ 2,6 milhões, foi assinada pelo governador Jaques Wagner no final de julho e integra o Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur 2), com prazo de conclusão previsto para dez meses.

No total serão 1.280 placas espalhadas pela Costa do Dendê, outras 930 na Costa do Cacau e as 190 restantes em áreas complementares. A sinalização traz mapas ilustrados, placas de roteiros náuticos, áreas urbanas e de interesse turístico.

O diretor de Turismo da Secretaria de Indústria, Comércio e Turismo de Itabuna, Carlos Frederico Oliveira, participou da reunião ordinária do Conselho de Turismo do Pólo Litoral Sul, em Ituberá, na semana passada, quando tomou conhecimento de todo o projeto. No encontro, o município também reivindicou da Setur seu ingresso no Programa de Gestão Municipal de Turismo e maior rapidez no atendimento às reivindicações de apoio financeiro para projetos sócio-culturais, como a realização de festas tradicionais, a exemplo do Carnaval e São João.

Durante reunião do Conselho Municipal de Turismo, na terça-feira (4), no Grapiúna Tênis Clube, foi destacada a necessidade da criação de uma associação do trade turístico para fomentar a consolidação de um turismo forte na cidade. O diretor de Turismo da Prefeitura lembra que a cidade tem forte tendência para o turismo de negócios, um setor que deve ser mais bem explorado para estimular o desenvolvimento econômico.

Serviço:
Sebrae/BA - (71) 3320-4300

Fonte: Agência Sebrae de Notícias

  
  

Publicado por em